| Futebol

Júnior aposta que título do Brasileirão vai ficar entre Palmeiras, Fla e Galo

Ex-jogador e atual comentarista esportivo da Rede Globo acredita que apenas uma zebra pode tirar a taça de um desses três times, que lideram a disputa na Série A

flameng - Júnior aposta que título do Brasileirão vai ficar entre Palmeiras, Fla e Galo

De passagem por João Pessoa - onde esteve nesse fim de semana para o casamento de um sobrinho - o ex-jogador Júnior, que atualmente é comentarista esportivo da Rede Globo, aproveitou para falar sobre a disputa pelo título do Brasileirão. Para o Maestro, dificilmente a taça vai ficar em mãos que não sejam as do Palmeiras, do Flamengo ou do Atlético-MG - a não ser que uma surpresa aconteça. Visitando a sua cidade natal, Júnior ainda falou sobre o comando de Tite na seleção brasileira e sobre o Botafogo-PB, que busca o acesso para a Série B do Brasileiro.


De início, Júnior destacou a boa fase por que passam Palmeiras e Flamengo, líder e vice-líder do Brasileirão respectivamente. Mas logo tratou de lembrar a força do Atlético-MG, fechando nesses três a lista de favoritos ao título desta temporada.

- Logicamente, Palmeiras e Flamengo atravessam excelentes momentos, mas eu acho que o Atlético Mineiro é uma equipe que tem condições de recuperar muita coisa ainda, porque está colado ali. Eu acredito que o título de 2016 deva ficar entre essas equipes - opinou o comentarista.

Após 26 jogos, o Palmeiras segue na liderança isolada da competição, posição que ocupou em 17 rodadas. O Verdão tem 51 pontos, um a mais que o Flamengo, que segue na cola. Alviverdes e rubro-negros já abriram uma pequena vantagem sobre o Galo, que tem 46 pontos. O Santos fecha o G-4, com 45.

Apesar de cravar os atuais três primeiros colocados como únicos favoritos ao título, Júnior não descarta totalmente uma surpresa. Acha improvável, mas não descarta. Ele acha que um novo postulante ao título pode surgir, mas apenas se algum dos times conseguir uma arrancada surpreendente nesta reta final da competição. Fluminense e Botafogo, por exemplo, são dois bons exemplos de equipes que deram uma reagida na disputa e já passam a sonhar, pelo menos, com vaga na Libertadores do ano que vem.

- A não ser que tenhamos aquela equipe que dê uma arrancada no final do campeonato e leve uma vantagem sobre as outras. Mas acho difícil pela regularidade (de Palmeiras, Flamengo e Atlético-MG), e pelo que está acontecendo e já aconteceu no campeonato - finalizou Júnior.

Vale lembrar que Verdão, Fla e Galo ainda vão protagonizar dois confrontos diretos até o fim da competição. Na 33ª rodada, o Atlético-MG recebe o Flamengo em Belo Horizonte e, na 36ª, novamente na capital mineira, o Galo recebe o Palmeiras.

A SELEÇÃO DE TITE

Na sua passagem por João Pessoa, Júnior comentou também o atual momento da seleção brasileira, agora sob o comando de Tite. Para o ex-jogador, que fez história com a camisa amarela, a evolução do time após a chegada do novo treinador já é perceptível, mas, segundo ele, ainda há muito a melhorar. O comentarista também acredita que Brasil, Argentina e Uruguai vão conseguir a classificação para a Copa do Mundo da Rússia, em 2018, e espera de Tite mais do que apenas a vaga no Mundial; ele quer o bom futebol de volta e a sintonia entre time e torcida.

- Eu acho que Tite levou já para esses dois jogos que nós fizemos nas Eliminatórias (contra Equador e Colômbia) o conceito de compactação de jogo no meio de campo. Principalmente o jogo contra o Equador, fora da casa. A equipe mostrou individual e coletivamente que tem uma margem de melhoramento muito grande. Essas duas vitórias (3 a 0 e 2 a 1) foram importantíssimas. No dia 6, a gente vai estar jogando contra a Bolívia, em Natal, para que a gente possa realmente acreditar mais ainda nessa classificação. Nesse sistema de ida e volta, de todo mundo contra todo mundo, acho que dificilmente as tradicionais Brasil, Argentina e Uruguai ficarão de fora. Mas eu acho que, mais do que a classificação, é a questão de jogar bem, jogar direito, trazer novamente o torcedor para junto da seleção brasileira.

BOTAFOGO-PB RUMO À SÉRIE B

Júnior também manifestou a sua torcida pelo principal time de João Pessoa, o Botafogo-PB. O Alvinegro da capital paraibana está nas quartas de final da Série C, na qual vai fazer duas partidas contra o Boa Esporte. Se passar pelo adversário mineiro, o Belo garante o acesso à Série B de 2017. Paraibano de João Pessoa, Júnior acha que já está na hora de o seu Estado ter um representante na segunda divisão do futebol nacional.

- Está precisando, né? Está na hora de pelo menos ter uma equipe na Série B para, quem sabe, um pouco mais para frente, a gente ter uma equipe na Série A. Eu acho que a campanha do Botafogo, pelo menos o que eu li, foi realmente muito suficiente - comentou.

Fonte: http://globoesporte.globo.com/pb/futebol/noticia/2016/09/junior-aposta-que-titulo-do-brasileirao-vai-ficar-com-palmeiras-fla-ou-atletico.html

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.