| Futebol

Kayke fala de Flamengo e diz que seria gratificante jogar no Grêmio

flameng - Kayke fala de Flamengo e diz que seria gratificante jogar no Grêmio

Depois de se destacar com a camisa do Flamengo e ganhar o carinho do torcedor Rubro-Negro, Kayke embarcou para um novo desafio no Japão. Valorizado, o atacante de 28 acertou com o Yokohama F.Marinos no início da temporada.

Apesar da equipe não ter alcançado o objetivo da conquista do título japonês, Kayke avaliou como positivo o primeiro ano na terra do sol nascente. 


VEJA TAMBÉM:
Fla tem prioridade por Marinho | Chape não terá proteção em 2017 | São Paulo anuncia 4º reforço


"Esse primeiro ano no Japão foi muito positivo, em relação a aprendizado. O futebol é muito diferente e eu aprendi bastante. Mais uma vez né, porque essa não é a primeira experiência fora do Brasil, então acho muito válido sempre que a gente sai procurar aprender coisas novas, cultura diferente e do futebol também, na forma de pensar".


(Foto: Reprodução Twitter)

"A gente tem que estar sempre aberto para isso, para agregar novos pensamentos, novas ideias. O futebol lá é diferente, é muito igual, muito rápido, corrido. As equipes são muito parecidas e é bem difícil você vê um placar elástico, são sempre jogos muito disputados. Essa experiência vai ser muito importante para a sequência da minha carreira".

Com mais três anos de contrato com o clube japonês, o atacante revelou que vem recebendo algumas sondagens do futebol brasileiro e que deseja retornar ao Brasil em 2017.

"A gente tem recebido algumas sondagens, alguns clubes estão entrando em contato para saber da minha situação real no Japão. Hoje eu tenho mais três anos de contrato com o clube mas a minha vontade é que em 2017 eu consiga voltar ao Brasil".

"Ainda é muito cedo para falar em relação a clubes mas espero que aconteça de uma forma positiva porque realmente estou com isso dentro do coração. Conversei com a minha família e e caso eu volte para o Brasil vai ser muito positivo".


(Foto: Gilvan de Souza / Flamengo / Divulgação)

Revelado nas categorias de base do Flamengo, Kayke tem uma forte ligação com o torcedor Rubro-Negro, ele se tornou uma espécie de xodó da torcida que faz campanha por sua volta no clube. Apesar disso, o jogador ainda ão foi procurado pela diretoria por um possível retorno. 

Independente disso, ele acredita que o carinho da torcida do Flamengo não mudará caso ele defenda outro clube no Brasil, desde que não seja um rival do futebol carioca.

"Acredito que não sendo rival do Rio de Janeiro as coisas ficam mais tranquilas em relação a torcida. O torcedor hoje é diferenciado, ele não é ignorante, a torcida do Flamengo sabe diferenciar que o jogador acima de tudo é profissional".


(Foto: Gilvan de Souza / Flamengo / Divulgação)

"O meu carinho pelo Flamengo eu não preciso falar para mais ninguém, todo mundo sabe da minha história com o clube, o clube que me revelou onde eu vivi a maioria das minhas coisas, cresci lá dentro desde os meus 8 anos. Ano passado, voltando ao clube, fiz uma temporada muito boa e a identificação ficou ainda maior".

O atacante ainda revelou que não pensaria duas vezes em voltar ao Flamengo, caso houvesse uma oportunidade no futuro.

"Não pensaria duas vezes se tivesse a oportunidade de voltar ao Flamengo, o que eu não posso dizer se vai acontecer ou não porque é muito superficial para um futuro. Mas se realmente aparecer a oportunidade para outro clube eu vou analisar friamente como profissional do futebol e vou continuar sendo profissional como sempre fui".

Esta semana o técnico Renato Gaúcho elogiou Kayke e revelou que o atacante está bem próximo de reforçar o Grêmio na próxima temporada. Para o jogador seria uma grande oportunidade.

"O Grêmio é um time muito grande, seria gratificante e incrível vestir a camisa de um time como o Grêmio, ainda mais em um ano de Libertadores, eles estão formando um grande elenco para disputar as competições do ano que vem".

Fonte: https://esportes.yahoo.com/noticias/kayke-fala-flamengo-e-diz-150000651.html

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.