• BICAMPEÃO DA LIBERTADORES
  • HEPTACAMPEÃO BRASILEIRO

Landim pede “desconto” aos jogadores que posaram sem máscara no avião: “Vamos relevar”

O futebol do Flamengo enfrenta um surto de coronavírus. Além de 16 jogadores infectados, membros da comissão técnica e alguns dirigentes do clube também contraíram o vírus. Em entrevista ao ‘Seleção SporTV’, o presidente do Flamengo, Rodolfo Landim falou sobre a situação e explicou a logística feita no Equador, local em que os casos começaram a aparecer no plantel do Rubro-Negro. Questionado sobre as fotos postadas nas redes do clube, nas quais os atletas estão sem máscara no avião, o mandatário tratou como normal.

Eles ficam dentro do avião, mas na hora da foto você não tira com máscara. Eu tiro a máscara, prendo a respiração e bato a foto. Quando eu ando em São Conrado, que é onde eu moro, eu tiro a máscara e bato a foto, e depois coloco. Vamos relevar. Fica parecendo que tá todo mundo assim. Eles jogam sem máscara. Eles ganharam, eles se cumprimentam, se abraçam e é natural! Jogaram com dificuldades e ganharam. Todos estavam felizes. A gente tenta fazer o que é possível. É mais um problema que a gente tem.

Diante desse cenário, com 16 atletas infectados, o Flamengo insiste no adiamento do jogo contra o Palmeiras, marcado para o próximo domingo (27), no Allianz Park, em São Paulo. Com a recusa da CBF, o clube aguardo o veredito do STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva).

Em síntese, o Fla convocou 12 jogadores das categorias de base para integrar o elenco profissional. Caso a partida contra o Alviverde aconteça, o Mais Querido deve relacionar um plantel com média de idade de 20,5 anos.

 

Publicado em colunadofla.com.