| Futebol

Luxa elogia Gabriel, em ascensão no Fla: "É um jogador que cansa zagueiro"

Treinador rubro-negro, em contrapartida, aponta alguns defeitos que vê como resultado do pouco trabalho nas divisões de base feito pelo jovem apoiador

 

Gabriel teve ano muito difícil no Flamengo em 2013. Colecionou más atuações e lesões. Nas últimas duas quartas-feiras, destacou-se. Iniciou jogada que culminou no primeiro gol rubro-negro no empate por 2 a 2 com o São Paulo e balançou a rede no 1 a 0 sobre o América-RN (veja os melhores momentos no vídeo).

O meia tem chances de iniciar a partida contra o Santos, neste sábado, às 16h20, no Maracanã. Disputa posição com Eduardo da Silva, favorito à vaga. Se sua escalação é incerta, o futuro parece promissor. Vanderlei Luxemburgo, apesar de listar falhas, disse gostar muito do estilo de jogo de Gabriel.

- Ele começou tarde, meio que sem categoria de base, tem muitos defeitos, mas é um cara que nasceu jogador de futebol. Tem muitas qualidades, mas tem que trabalhar finalização, posicionamento e a parte técnica. A tendência é evoluir. Precisa também encontrar o espaço dele no campo, porque ficar no lado do campo é mole. É preciso saber onde está. Gosto muito de jogador com a característica dele, que vai para um lado e para o outro, mexe com a bola e cansa o zagueiro - enumerou.

O Flamengo ocupa a 12ª colocação no Campeonato Brasileiro, com 31 pontos, cinco a menos do que soma seu adversário deste sábado, o Santos, hoje dono do nono lugar.

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.