| Futebol

Mais competitividade: Chicão elogia Canteros e nova postura nos treinos

Zagueiro acredita que mudanças serão importantes para recuperação no Brasileiro e destaca qualidades do reforço argentino recém-chegado: "Personalidade muito forte"

Chicão no treino do Flamengo (Foto: Thiago Benevenutte)Chicão destacou a entrega nos treinamentos do Flamengo no Ninho (Foto: Thiago Benevenutte)

Chicãoconcedeu entrevista coletiva no Ninho do Urubu após o treino da manhã de terça-feira no Flamengo. Analisou o momento complicado da equipe e apontou o que há de diferente após os trabalhos realizados durante a paralisação do Campeonato Brasileiro. E se uma palavra pode definir os elogios do zagueiro a uma nova postura do elenco, não resta dúvidas: competitividade. O experiente jogador de 33 anos adotou o termo para elogiar os treinos dados por Ney Franco e também para qualificar o último reforço rubro-negro, o volante Hector Canteros.

- O time tem que sair dessa. É o nosso objetivo, estamos trabalhando firme, todos têm acompanhado. O treino mudou bastante, está competitivo. E temos que colocar tudo em prática já contra o Atlético-PR - disse, perguntado sobre a nova postura flamenguista.

Sobre o mais novo colega, que já treina normalmente com os companheiros, Chicão comemora a chegada de mais uma peça com personalidade.

  Ele (Canteros) tem espírito competitivo, como todo argentino tem. Tem qualidade técnica também. Tenho certeza que vai ajudar muito ainda, possui uma personalidade muito forte.
Chicão

- O Canteros chegou agora, leva um certo tempo para se adaptar. Mas como eu digo, quando alguém vem de fora para o Brasil, tem mais facilidade do que o brasileiro quando sai. Ele tem espírito competitivo, como todo argentino tem. Tem qualidade técnica também. Tenho certeza que vai ajudar muito ainda, possui uma personalidade muito forte.

Ao lado de jogadores como João Paulo, Márcio Araújo, Nixon e Arthur, o zagueiro é um dos que tem contrato terminando no fim de 2014. Com isso, já está livre para assinar pré-contrato com algum possível clube interessado em contar com seu futebol, já que nada foi acertado com a diretoria rubro-negra. Mesmo assim, ainda não é o momento de pensar nisso, garante.

- Não teve conversa sobre isso ainda, o Felipe (Ximenes) conversou e deixou claro para os que tem contrato terminando ficarem tranquilos. Uma hora ou outra ele vai conversar com os atletas, mas eu no momento não estou pensando nisso. Primeiro é tirar o Flamengo dessa situação chata.

* Thiago Benevenutte, estagiário

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.