| Futebol

Mais solto, Marquinhos faz 18 e desequilibra para o Flamengo

Para o ala, estreia tensa foi fundamental para o time fazer uma grande partida na segunda rodada

flameng - Mais solto, Marquinhos faz 18 e desequilibra para o Flamengo
O FlaBasquete tem uma atuação bem diferente nesta quarta-feira. Diferentemente da estreia, O Orgulho da Nação atropelou o Hebraica Y Macabi do Uruguai por 91x57 e encaminhou a segunda vitória seguida na Liga Sul-Americana de Basquete. Um dos principais responsáveis pelo triunfo foi Marquinhos, cestinha do jogo com 18 pontos. Para o Ala, o time soube tirar proveito da situação da estreia e quem pagou o pato foram os uruguaios. 

"Primeiramente, estou feliz com a vitória. O time jogou mais solto. Estreia é sempre dificíl. A vitória de ontem deu muita confiança para o time, que hoje entrou mais solto, defensivamente muito melhor e conseguindo colocar em prática o plano defensivo do Neto", disse Marquinhos, que jogou 21 minutos. 

Para o camisa 11, a atuação na segunda partida também foi reflexo do fim do nervosismo normal de uma estreia. E que agora, com entrosamento, a equipe só tem a crescer e vencer mais. 

"Num segundo jogo, as coisas vão entrando nos eixos, a bola vai caindo, você vai sentindo confiança. Estou feliz, mas o time ainda tem muito o que evoluir. Precisamos jogar mais juntos, melhorar o entrosamento, mas estamos felizes e dependendo do próximo jogo, já podemos ter a classificação hoje", completou. 

O FlaBasquete volta à quadra nesta quinta-feira, contra os colombianos do Cimarrones. Em caso de nova vitória, classificação garantida na bagagem. 

As equipes de basquete do Clube de Regatas do Flamengo contam com recursos de seus patrocinadores – Estácio, AmBev, Rede D’or, IRB Brasil RE, CSN, Brasil Plural, EY – via Lei de Incentivo Federal/Ministério do Esporte (IR) e Lei de Incentivo Estadual/Secretaria de Estado de Esporte, Lazer e Juventude (Seelje) do Rio de Janeiro, além de apoio do Comitê Brasileiro de Clubes (CBC) proveniente da descentralização de recursos oriundos da Lei Pelé. O Projeto Anjo da Guarda Rubro-Negro, de transferência fiscal de pessoa física, beneficia todas as modalidades olímpicas do Mais Querido.

Fonte: http://www.flamengo.com.br/site/noticia/detalhe/26097/mais-solto-marquinhos-faz-18-e-desequilibra-para-o-flamengo

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.