| Futebol

Mancuello, Alan Patrick e Fernandinho: Fla usa o banco para vencer o Cruzeiro

Trio entra no segundo tempo e tem grande importância na virada em Cariacica. Camisa 19 dá duas assistências e argentino decreta a vitória com chute no ângulo

flameng - Mancuello, Alan Patrick e Fernandinho: Fla usa o banco para vencer o Cruzeiro

Usar o banco de reservas para conquistar o resultado não é novidade na campanha rubro-negra neste Campeonato Brasileiro, mas no último domingo, na vitória por 2 a 1 sobre o Cruzeiro, os suplentes foram essenciais na virada que mantém o Flamengo na cola do líder Palmeiras. Primeiro, Zé Ricardo optou por qualificar a saída de bola do time. Depois, botou sangue novo na frente e teve estrela. Confira como Mancuello, Fernandinho e Alan Patrick colaboraram para mudar a história do jogo no Estádio Kleber Andrade.

SAI MÁRCIO ARAÚJO, ENTRA MANCUELLO

O argentino substituiu o volante aos 18 minutos do segundo tempo, quando o Flamengo tinha a bola mas não chegava com perigo ao gol adversário. O time ganhou qualidade na saída, mas a defesa perdeu a proteção de Márcio Araújo e acabou sofrendo o gol cerca de dez minutos depois. No entanto, foi com Mancuello a primeira real chance rubro-negra na etapa final - aos 33, quando chutou cruzado com perigo, para fora. E do seu pé esquerdo saiu o chute no ângulo que garantiu os três pontos no fim.


SAI GABRIEL, ENTRA FERNANDINHO

O placar permanecia inalterado em Cariacica quando o talismã entrou em campo, aos 21 minutos da segunda etapa. Sua missão era substituir Gabriel, pouco eficaz ofensivamente e que já demonstrava sinais de cansaço. Bastante caçado, Fernandinho gerou preocupação para a defesa cruzeirense - sofreu três faltas - e, quando caiu pela ponta esquerda, acho espaços e levou perigo ao ganhar de Bruno Rodrigo e finalizar forte, para fora, aos 40.


SAI EVERTON, ENTRA ALAN PATRICK

O melhor jogador do Flamengo em campo - ao lado de Alex Muralha - entrou faltando pouco mais de 15 minutos para o fim da partida e já com o placar adverso. E soube aproveitar muito bem o tempo que teve. Alan Patrick foi fundamental na construção das jogadas dos dois gols rubro-negros e serviu como garçom de Guerrero e Mancuello. Sem errar passes, o camisa 19 mostrou a Zé Ricardo que o técnico tem uma boa alternativa para mudar a equipe caso seja necessário. 


O Flamengo prova ter elenco para chegar bem na briga pelo título. E você? Acha que algum deles merece vaga no time titular?

Fonte: http://globoesporte.globo.com/futebol/times/flamengo/noticia/2016/09/mancuello-alan-patrick-e-fernandinho-fla-usa-o-banco-para-vencer-o-cruzeiro.html

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.