| Futebol

Maracanã: venda de ingresso permite escolha de assento em todos os jogos

Novidade começará no clássico Flamengo x Botafogo, e torcedores vips poderão imprimir bilhetes em casa. Meia-entrada terá cor diferente para facilitar identificação

 

O clássico entre Flamengo e Botafogo, no próximo domingo, marcará o início de um novo sistema de vendas de ingressos no Maracanã. A concessionária responsável pelo estádio anunciou nesta quinta-feira um novo formato já no primeiro jogo após a Copa do Mundo. Os torcedores poderão comprar os bilhetes no site da empresa e escolher o assento nos setores Leste e Oeste.    

Nesta quinta, o vice-presidente da concessionária Maracanã, Sinval Andrade, apresentou detalhes do no sistema de venda de ingressos. Ele revelou que o sistema já está em integração com os programas de Sócio Torcedor dos grandes clubes do Rio de Janeiro. Segundo Sinval, as mudanças visam dar mais comodidade e conforto aos torcedores.   

- Realizamos um investimos num sistema robusto de venda de ingressos. Já estamos em fase final de integração com os programas de Sócio Torcedores de todos os clubes. É mais rápido e mais ágil. É claro que, nesse primeiro jogo, e possível que tenhamos alguns problemas pontuais.

Os torcedores que comprarem ingressos para a área vip vão poder imprimir os ingressos em casa. O público geral, por enquanto, poderá realizar a compra de ingressos pela internet, imprimir um voucher, mas ainda terá de trocá-lo pela entrada no dia do jogo na bilheteria do próprio Maracanã. A concessionária espera que até o final do ano o torcedor comum possa imprimir os bilhetes em casa. Torcedores dos setores Norte e Sul, onde geralmente ficam localizadas as torcidas organizadas, também vão ter a opção de escolher assento. Por enquanto, no entanto, somente nas bilheterias. 

- Vamos usar lugares marcados para podermos atender ainda mais as exigências de comodidade e conforto dos torcedores. É claro que por ser a estreia num clássico, eventualmente ainda podemos ter alguns problemas. Contamos com a compreensão do torcedor. Estamos buscando aperfeiçoar – disse Silval.  

Sobre a possibilidade de longas filas e demoras por conta da troca dos vouchers, Silval Andrade revelou que os prestadores de serviço estão passando por treinamentos para agilizar o processo. No entanto, ele pede que o torcedor tente chegar um pouco mais ao estádio.  

- O ideal seria que o pessoal chegasse mais cedo ao estádio. Os portões serão abertos três horas antes dos jogos. É claro que no Rio de Janeiro é complicado, pois muitos torcedores vêm direto da praia. Mas estamos buscando o melhor para os torcedores.   

Os ingressos também sofreram mudanças. A principal delas diz respeito às cores. Para facilitar a identificação, entrada comum será toda branca. A meia-entrada será preta e branca, enquanto as gratuidades serão pretas. 

Com o fim da Copa do Mundo, a Fifa retornará oficialmente o Maracanã para a concessionária nesta sexta-feira. Com isso, já é possível ver no local a instalação das grades que separam as torcidas nos setores Norte e Sul. Sinval Andrade ainda informou que um levantamento está sendo realizado junto com o Comitê Organizador Local da Copa do Mundo (COL) para ver o que foi danificado durante o Mundial. Segundo ele, pequenos arranhões e alguns assentos foram quebrados. A entidade arcará com os custos.   

Durante a apresentação, o vice-presidente da concessionária apresentou alguns números do estádio. Desde a reinauguração, 100 partidas aconteceram no Maracanã, sendo que 90 delas foram sob a responsabilidade da empresa. Incluindo as partidas da Copa do Mundo, o público total no estádio foi de 2.348.542. Média de 26.095 por jogo. Durante o Mundial, 517.189 pessoas foram a Maracanã em sete jogos. 

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.