| Futebol

Menino cego de oito anos visita time do Fla e vira motivação pós-eliminação

Paulo Victor diz que a alegria levada por João Gabriel ao ambiente rubro-negro antes do jogo com o Sport, na Arena Pernambuco, foi "muito além do futebol"

Torcedor mirim Flamengo jogadores (Foto: Carlos Mota)João Gabriel posa ao lado de Paulo Victor (Foto: Cahê Mota)

Os dias de ressaca do Flamengo após a eliminação da Copa do Brasil terminaram. Neste domingo, às 17 horas (de Brasília), a equipe enfrenta o Sport, na Arena Pernambuco, para esquecer de vez o revés de quarta-feira. Se está difícil achar motivação para os seis confrontos que restam no Campeonato Brasileiro - já que o time não corre mais grandes riscos na competição -, um menino de 8 anos ajudou os jogadores rubro-negros a encontrá-la. Na tarde de sábado, em Recife, João Gabriel Paulo Norte Cavalcante, uma criança com deficiência visual, foi com o pai ao hotel em que está hospedada a delegação do Fla.

O torcedor mirim conversou com alguns jogadores e tirou foto com Paulo Victor, Samir e Lucas Mugni. João Gabriel disse que sonha conhecer o Maracanã, desde que seu pai o ensinou o hino do Flamengo. O menino aprendeu a cantar apenas o refrão, "Vencer, vencer, vencer. Uma vez Flamengo, Flamengo até morrer", o suficiente para que ele se tornasse mais um rubro-negro apaixonado.

- Hoje é um dia especial. Desde pequenininho, o meu pai me ensinava o hino do Flamengo. Eu só aprendi o refrão, mas sempre tive o sonho de ir ao Maracanã, de conhecer algum jogador. Para mim, é uma alegria muito grande. Eu falei com todos eles. Não tem um mais legal, todos são grandes pessoas. Todo mundo é muito gente boa - disse o menino de 8 anos.

Um dos que tirou foto com João Gabriel, Paulo Victor disse que a presença do garoto animou o ambiente rubro-negro. O goleiro ainda lamentou a goleada do Atlético-MG, mas afirmou que a alegria do menino ao encontrá-los supera o futebol.

- Nós ficamos tristes, sim, sabemos que todos os jogadores sentiram bastante a eliminação. Ainda estamos sentindo. Mas agora temos que pensar no jogo com o Sport, e ter essa atenção aqui que vai muito além do futebol. Uma criança que conhece o futebol, que tem alegria por ter a gente por perto. Isso anima - explicou Paulo Victor.

Torcedor mirim Flamengo jogadores (Foto: Carlos Mota)Mugni também tira foto com o garoto de 8 anos (Foto: Cahê Mota)



O goleiro disse que o momento agora é de terminar o ano com as vitórias que o torcedor do Flamengo merece. Peça importante do reerguimento do Rubro-Negro na temporada, ele ressaltou o trabalho realizado por Vanderlei Luxemburgo com o grupo.

- Temos seis jogos no brasileiro, e o torcedor merece essas vitórias. Temos que valorizar o que o Vanderlei fez. Quando chegamos aqui, a realidade era completamente diferente. Ganhamos jogos no Brasileirão, avançamos na Copa do Brasil. Infelizmente, saímos e sabíamos que podíamos ir além. Mas vamos pensar no Sport e no que resta do campeonato.

O Flamengo enfrenta o Sport na tarde deste domingo, na Arena Pernambuco, às 17 horas (de Brasília). A partida é válida pela 33ª rodada do Campeonato Brasileiro. O Rubro-Negro ocupa a 10ª colocação, com 43 pontos, nove a mais do que o Vitória, primeiro da zona de rebaixamento.

Torcedor mirim Flamengo jogadores (Foto: Carlos Mota)Zagueiro Samir abraça o menino na véspera do duelo com o Sport (Foto: Cahê Mota)


Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.