| Futebol

Menino do Rio, Laprovittola curte açaí, praia e Maracanã: "Me sinto carioca"

Melhor jogador da Copa Intercontinental de Clubes, armador argentino se rende aos encantos da Cidade Maravilhosa e se declara torcedor rubro-negro: ''Um time incrível''

Há pouco mais de um ano, Nicolás Laprovittola chegou à Gávea com certa timidez. O argentino de 24 anos, no entanto, não teve problemas de adaptação. O trabalho do armador funcionou rápido e rendeu títulos ao Flamengo. O último foi o da Copa Intercontinental de Clubes, conquista inédita do Rubro-Negro no último domingo sobre o Maccabi Tel Aviv, de Israel. Eleito o melhor jogador do torneio, Nico confessou que já se sente um ''menino do Rio'' e rasgou elogios à cidade que aprendeu a chamar de casa.

- Eu me sinto um carioca. Todo o time e o Flamengo me fazem sentir assim. Logo no primeiro momento, desde o ano passado - disse o argentino. 

Mosaico LAPROVITOLA 3 (Foto: Reprodução)Laprovittola posta seus momentos no Rio nas redes sociais. Mulher Flor é a companheira (Foto: Reprodução)





Pegar uma praia, beber um tradicional açaí carioca, pedalar pela Lagoa Rodrigo de Freitas ou assistir a um jogo no Maracanã - do Flamengo, claro. Hábitos de um morador do Rio de Janeiro já fazem parte da rotina do ''hermano rubro-negro'', que posta seus momentos nas redes sociais. Apesar do sotaque ainda muito carregado, ele se sente acolhido. Em junho, Laprovittola teve seu contrato renovado com o clube.

- Estou apaixonado pelo Rio. Me encantou. Gosto muito de onde moro, perto da sede do clube, no Leblon. Já me sinto em casa nesse bairro. Me fascina muito a Lagoa, as praias. É tudo especial. O Maracanã também. Fui assistir ao Fla-Flu recentemente e foi incrível - disse o argentino.

Quando chegou ao Flamengo, Nico revelou que seu time de infância era o popular Boca Juniors. No último ano, no entanto, o Maracanã se tornou um dos lugares preferidos do armador, que gosta de sentir a atmosfera da torcida. Sorridente, ele confessa que hoje tem um coração dividido.

- Estava pensando nisso na última semana. Sem dúvidas, já sou um torcedor do Flamengo aqui no Brasil. É um clube incrível. Fico muito feliz de ter encontrando um lugar assim para ficar. O Boca continua sedo meu time na Argentina. Agora tenho duas equipes na minha vida (risos) - completou o atleta, que contou com a visita dos familiares no último fim de semana. 

Basquete Flamengo (Foto: Amanda Kestelman)Laprovitola posa com troféu de melhor jogador da Copa Intercontinenal (Foto: Amanda Kestelman)



Na vitória do Flamengo sobe o Maccabi, na final de domingo, Laprovittola foi peça fundamental para a conquista rubro-negra. Foram 24 pontos e seis rebotes. Campeão Carioca, do NBB, da Liga das Américas e da Copa Intercontinental, agora o argentino confessa que está começando a entender a dimensão do último título.

saiba mais
  • NBA Global Games: concorra a ingressos
  • Marquinhos confirma proposta da NBA
  • Galeria de fotos da conquista do Flamengo
  • Baixa o papel de parede do Fla campeão
  • MVP, Nico enaltece grupo rubro-negro

- A ficha vai cair mais adiante. Entramos na história do basquete brasileiro, fizemos algo difícil, ganhar do campeão da Europa. Merecíamos muito. Todos nós fizemos um trabalho espetacular. Começamos a temporada há duas semanas e já temos um troféu lindo e importante. Temos que desfrutar.

Após a conquista da Copa Intercontinental, no Rio de Janeiro, o time de basquete do Flamengo se prepara para um novo desafio. A delegação vai arrumar as malas para encarar três jogos na pré-temporada da NBA, contra Phoenix Suns (8/10), Orlando Magic (15/10) e Memphis Grizzlies (17/10).

- Tenho muita vontade de conhecer de perto o basquete da NBA. Creio que é uma grande oportunidade. É único para o basquete brasileiro. Nosso grupo quer continuar ganhando coisas - completou Laprovittola. 

LAPROVITOLA basquete flamengo rio de janeiro (Foto: Reprodução)Laprovittola curtindo praia no Rio de Janeiro ao lado da mulher, Flor (Foto: Reprodução)


LAPROVITOLA basquete flamengo rio de janeiro (Foto: Editoria de Arte)Laprovittola com o americano Jerome Meyinsse, seu companheiro no Flamengo (Foto: Editoria de Arte)


Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.