• BICAMPEÃO DA LIBERTADORES
  • HEPTACAMPEÃO BRASILEIRO

Mesmo em noite de revés, Pedro volta a ser destaque no Flamengo

Apesar de ter Gabigol, desde que chegou ao Flamengo, Jorge Jesus sempre pediu um outro nome para o ataque. O escolhido foi Pedro. O jovem chegou ao Rubro-Negro no início do ano por empréstimo da Fiorentina e caiu nas graças do técnico português. Na partida final da Taça Rio, Pedro marcou o gol que levou a disputa para os pênaltis e atingiu a melhor média do elenco em 2020.

Com o Manto Sagrado, Pedro já atuou em 12 partidas, sendo quatro delas como titular. O centroavante já marcou cinco gols e deu duas assistências. De acordo com os números, o camisa 21 precisa de apenas 81 minutos para balançar as redes e de apenas 58 minutos para participar diretamente de um gol (assistência ou gol).

Vale destacar que, assim como na partida contra o Fluminense, dos cinco gols marcados, três deles foram feitos em momentos fundamentais da partida. As outras duas vezes foram na final da Recopa Sul-Americana contra o Independente Dell Valle, o camisa 21 fez o gol da virada; e contra o Boavista, o atacante abriu o placar.

Rubro-Negro desde criança, Pedro já ergueu três taças pelo time do coração: Supercopa do Brasil, Recopa Sul-Americana e Taça Guanabara. O contrato do atacante com o Flamengo termina em dezembro de 2020. Mas a diretoria do Mais Querido trabalhar para ampliar vínculo para os primeiros meses de 2021, pois o calendário do futebol brasileiro vai extrapolar por conta da paralisação por conta da pandemia do novo coronavírus.

Publicado em colunadofla.com.