Missão rubro-negra: Sem Vizeu, Fla espera ter Ceifador no domingo

Missão rubro-negra: Sem Vizeu, Fla espera ter Ceifador no domingo

Depois de acabar com a novela Henrique Dourado e encaminhar com representantes da Udinese a venda de Felipe Vizeu, o Flamengo agora corre contra o tempo para conseguir regularizar o Ceifador até esta sexta-feira, quando terá condições de fazer sua estreia pelo Rubro-Negro, no domingo, diante do Nova Iguaçu, em Brasília.

Como a delegação viaja para a capital federal no sábado após o almoço, a diretoria e a comissão técnica vai esperar até o final desta sexta-feira, o nome de Henrique Dourado aparecer no Boletim Informativo Diário da CBF, para divulgar a lista de relacionados. 

A ideia de ter o Ceifador já no domingo, passa muito pelo planejamento de Paulo César Carpegiani, que quer utilizar a equipe titular inteira já neste confronto. Como Dourado vinha treinando normalmente no Fluminense, inclusive na terça-feira esteve com todo o grupo e foi para os Estados Unidos com a delegação tricolor, as condições físicas do novo camisa 19 são consideradas boas.

Neste ano, Dourado atuou em apenas duas partidas, ambas na Florida Cup, pelo Fluminense e não balançou as redes nenhuma vez. A tendência é que o atacante seja regularizado, pois toda a documentação já foi encaminhada para a Federação Carioca de Futebol e para a CBF. O contrato dele, inclusive, já apareceu no BID da CBF como rescisão com o Tricolor.

Se não tiver condições de jogo  - e também sem Felipe Vizeu - Carpegiani deve apostar em Lincoln como titular e Vitor Gabriel como opção no banco, ambos oriundos das categorias de base do Flamengo.