| Futebol

Morre torcedor do Flamengo baleado antes da partida contra o Vasco

Crime ocorreu na manhã de sábado, durante briga de torcidas em Niterói

O torcedor rubro-negro Carlos Afonso de Oliveira Leite, de 24 anos, faleceu na terça-feira em decorrência de ferimentos sofridos durante briga de torcidas de Vasco e Flamengo em Niterói, na manhã de sábado, horas antes da partida entre as duas equipes. Carlos foi baleado na cabeça e levado para o Hospital Estadual Azevedo Lima, mas não resistiu.

O caso foi encaminhado para a Delegacia de Homicídios de Niterói, Itaboraí e São Gonçalo (DHNSG). De acordo com o delegado titular da DHNSG, Fábio Barucke, a investigação preliminar aponta que um grupo de torcedores rubro-negros estava reunido em uma padaria da Rua Doutor March, no bairro de Tenente Jardim, Zona Norte de Niterói, por volta das 11h30m de sábado. Uma briga teve início quando torcedores do Vasco encontraram os do Flamengo.

Ainda segundo o delegado, um carro que descia o Morro do Castro passou pelo local atirando em direção aos torcedores do Flamengo. Carlos Afonso foi atingido na cabeça e faleceu três dias depois, na manhã de terça. Além dele, também foram atingidos Monique Costa de Jesus, de 33 anos, que recebeu alta no próprio sábado, e José da Penha Alves de Amorim, de 55 anos, que foi levado ao Hospital Azevedo Lima e apresenta estado de saúde estável, segundo a Secretaria Estadual de Saúde (SES).

— O carro passou atirando na direção dos torcedores do Flamengo. Três pessoas foram atingidas, sendo que duas delas nem estavam com o grupo. O único que faleceu foi o torcedor em questão — detalhou o delegado.

A investigação já identificou que o carro em questão levava dois torcedores do Vasco, cujas identidades não foram reveladas. Os policiais da Delegacia de Homícidios apuram se eles tinham ligação com alguma torcida organizada.

A morte de Carlos Afonso foi recebida com uma mensagem de luto publicada no perfil da torcida organizada Raça Rubro-Negra. Na publicação, Carlos é apontado como “rubro-negro e ex-integrante da Raça Rubro-Negra”.

“Vivemos numa época na qual crimes dessa natureza tornanam-se cada vez mais comum e a a vida humana perde seu valor. Desejamos nossos mais sinceros sentimentos à família, nos colocamos à disposição para qualquer ajuda necessária e exigimos que o responsável por tamanha barbárie seja julgado e devidamente incriminado”, diz a mensagem publicada no perfil da organizada.

Fonte: https://oglobo.globo.com/esportes/morre-torcedor-do-flamengo-baleado-antes-da-partida-contra-vasco-22020946

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.