| Futebol

Muralha aguarda Fla para definir destino com possível chegada de Diego Alves

flameng - Muralha aguarda Fla para definir destino com possível chegada de Diego Alves

A possibilidade de o Flamengo contratar Diego Alves para ser titular em sua meta vai obrigar o clube a definir o que fará com Alex Muralha. Trazido ano passado por R$ 4 milhões ao Figueirense, o camisa 38 chegou até a seleção brasileira, mas oscilou e hoje é banco do jovem Thiago.

O atleta e seus representantes, porém, acreditam na volta por cima no Rubro-Negro e não estão satisfeitos com a atual situação. Contudo, aguardam a diretoria se posicionar em caso de acerto com Diego Alves.

Muralha renovou o contrato até 2020 e quer ficar no Flamengo para retomar seu espaço. O jogador chegou a ser perseguido pela torcida após algumas falhas durante a má fase da equipe, e acredita que foi barrado para evitar mais desgaste.

Com o time em crescimento, o goleiro entende que pode retomar a condição de titular em breve. No elenco, o apoio é grande para isso. A chegada de Diego Alves, no entanto, aumentaria o nível da concorrência exponencialmente.

Não há qualquer sondagem para que Muralha deixe o Flamengo por enquanto. A diretoria também não trata sobre isso no momento, já que o acerto com Diego Alves não foi sacramentado.

Em princípio a intenção é manter os dois goleiros de alto nível e o jovem Thiago, hoje titular. No entanto, a negociação de Muralha não está descartada. O clube ainda tem os jovens César e Gabriel Batista na fila.

A negociação com o Valencia da Espanha por Diego Alves segue com otimismo da diretoria. O Flamengo tem até o próximo dia 20, quando a janela de transferências se encerra, para definir se investe para adquirir o goleiro em definitivo ou tenta um empréstimo. A segunda opção é a mais viável para o acerto imediato.

Fonte: https://extra.globo.com/esporte/flamengo/muralha-aguarda-fla-para-definir-destino-com-possivel-chegada-de-diego-alves-21587490.html

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.