| Futebol

Muralha em frangalhos?

flameng - Muralha em frangalhos?

Caros Rubro Negros,

Ontem, com um time misto entre reservas e jovens jogadores, o Flamengo foi desclassificado pelo Paraná da insípida e natimorta Primeira Liga. Contudo, algo chamou a atenção e vale a pena ser comentado. E infelizmente é algo negativo: mais uma atuação pífia de Alex “Muralha”.

Já escrevi uma ou duas vezes sobre o Muralha e a meta Rubro Negra. O histórico e a passagem dele até aqui no Fla já é de conhecimento público. De solução para o nosso gol ( quando o PV era a “bola da vez”) para o que temos visto nos últimos tempos. E nesse ponto me dou a direito de me apropriar parcialmente da fala de alguém  pelo qual não nutro simpatia alguma e dizer: às favas a ponderação! Para quem ainda tinha alguma dúvida (eu inclusive), o jogo de ontem deixou inequivocamente claro que não tem condição alguma do Muralha ser nosso goleiro na Final da Copa do Brasil, pra dizer o mínimo. Eu nunca vi uma queda técnica e de confiança de um atleta em tão pouco tempo. E nem vou tecer comentários sobre o preparador de goleiros do Flamengo, cujas as redes sociais já nos agraciam com reclamações das mais diversas. Vou me focar apenas no atleta.

A primeira coisa que se espera de um goleiro é que passe segurança. Nosso atleta Alex passa longe disso. Inteligência e segurança também são fundamentais. Outros quesitos nos quais o atleta em questão anda muito mal. “E por que falar de  inteligência?” Um tempo atrás eu falei que o Vaz tinha que se ajudar. E o mesmo vale para o Muralha. Vejam o gol por ele sofrido na pelada de ontem. Por qual justificativa entre o céu e a terra ele pediu para não se formar barreira? Será que nem por um minuto este cidadão imaginou que assim estaria chamando uma desnecessária responsabilidade no caso de um gol naquele momento, ainda que fosse bem improvável? E, de tão improvável que era, o gol saiu, como todos vimos. Lembrem que um pouco de sorte também cai bem para um goleiro. E mesmo nisso Alex está muito mal.

Passado a etapa regulamentar, na qual nosso goleiro foi pouquíssimo exigido e mesmo assim falhou quando solicitado (mais uma vez), vamos a fase dos pênaltis, uma capitulo à parte nessa tragicomédia estrelada pelo Muralha. De todos os pênaltis batidos, sendo extremamente bondoso, nosso goleiro ao menos foi relativamente bem em uma delas. E a cobrança aqui não é nem por defender os pênaltis. É por, pelo menos, “fazer sombra”. Passar perto. Assustar o próximo batedor. Mas não. Muito pelo contrário.Em todas as outras cobranças nosso goleiro foi ridiculamente mal.(O que também não é novidade). Bater penalidades contra o Muralha para os jogadores do Paraná parecia uma atividade lúdica, sem nenhuma pressão que fosse imposta por uma postura do nosso goleiro. Lamentável.

Já torci muito por uma recuperação do Muralha. Contudo, o que vimos ontem nos fez temer enormemente por uma possível titularidade do mesmo contra o Cruzeiro, na Copa do Brasil. Rueda, pelo amor de São Judas Tadeu, se você tinha alguma dúvida sobre o goleiro titular no jogo da semana que vem: Escale o Thiago. E, se por qualquer eventualidade, escale o César. E Alex, por favor, vá buscar sua recuperação num templo de monges tibetanos, ou com um guia espiritual ou ainda treinando 18 horas por dia que seja. Por que considerando o desempenho que você tem tido nos últimos tempos…feliz 2018 para você.

Opine, elogie, critique…Participe!! E se você ainda não é Sócio Torcedor…faça o seu imediatamente!!! O seu maior benefício é ver um Flamengo cada vez mais forte!!

Sobre a coluna anterior: Não é como se eu fosse uma pessoa insensível e que queria excluir parte da nossa torcida dos estádios. Só sou da opinião que esse movimento que chamam de “elitização” é algo que transcendem o Flamengo, englobando realidade que nos cerca. No mais, certamente ajustes tem que ser feitos, tanto na precificação como no próprio ST. Isso não se pode negar. E ideias podem ser implementadas. Por exemplo, uma grande ideia que me foi dada por um camarada é um ST para o público de baixa renda, como já existe no Inter. Somando isso a uma área ( ou percentual ) do estádio/ ingressos exclusiva para esse público ( evitando assim a concorrência com planos de maior preferência no ST ) poderia ser uma solução. Vale lembrar que não é tão simples. Existem diversos problemas nisso. Mas não deixa de ser uma boa ideia a ser desenvolvida. O que não dá é pra ignorar que o ST é uma grande fonte de renda para o clube e que tem que ser considerado nessa conta de precificação dos ingressos.

Los dramáticos: Certamente quero que o Flamengo ganhe tudo o que disputa. Até par ou ímpar. Contudo, não sou dado a exageros e no jogo de ontem não consigo ver nada além de uma derrota em um jogo desinteressante, em um torneio de verão e com um time mais do que reserva. Aos que enxergam mais do que isso em relação a partida de ontem (vergonha, vexame, falta de espírito vencedor, etc) me desculpe, mas não curto dramas baratos de novelas mexicanas. Recomendo firmemente que se analise a realidade e o contexto antes de fazer uma tempestade em um copo d’água. E que se separe o que de fato vale alguma coisa do que não vale nada. Isso faz bem até a própria saúde, acredito.

Seção Gato mestre: Flamengo 2×0 Cruzeiro. Final da Copa do Brasil. O time do Flamengo vem demonstrando mais confiança e segurança já nesse início de trabalho do Rueda, se tornando novamente um time equilibrado, de alguma forma. Não será um jogo fácil. Mas acredito em uma boa vitória do Fla nesse primeiro jogo da final.

Luiz Henrique Amorim
contato@colunadoflamengo.com

Fonte: http://colunadoflamengo.com/2017/08/muralha-em-frangalhos/

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.