• BICAMPEÃO DA LIBERTADORES
  • HEPTACAMPEÃO BRASILEIRO

Narrador critica árbitro por expulsão de Gabigol: “Mais um retrato de um campeonato esculhambado”

O Flamengo enfrentou o Fluminense no domingo (12) e venceu por 2 a 1. Mas o que chamou a atenção mesmo foram as muitas confusões, que tiveram início após a expulsão de Gabriel Barbosa, aos 47 minutos e 50 segundos do segundo tempo, ou seja, já nos acréscimos do clássico – faltavam, em tese, dez segundos para terminar o duelo. O narrador Gustavo Villani, dos canais SporTV, não gostou da atitude do árbitro Wagner do Nascimento Magalhães.

Através de seu perfil na rede social do Twitter, Villani criticou a atitude do árbitro, pois a ação do mesmo tirou um dos principais personagens do clássico da grande final. Além disso, o narrador ressaltou o fato de que Wagner do Nascimento Magalhães acabou sendo autoritário demais, por um simples xingamento, que sequer fora ofensivo.

É só mais um retrato de um campeonato esculhambado. E, agora, como protagonista, o árbitro Wagner do Nascimento Magalhães. Por que não acrescer mais um ou dois minutos, na demora do atacante? Onde “porra” é ofensa, no contexto de dúvida sobre quem seria substituído?“, publicou, antes de continuar:

Por que tirar da grande final um atleta, já nos acréscimos, só para mostrar quem manda, quem soca a mesa? Quanta bobagem, pobreza. Aqui, quem brilha é o árbitro. O jogador(artilheiro do campeonato) tem que ser coroinha, a 190bpm. Ter raciocínio angelical, disputando título“, escreveu o narrador.

Com a expulsão, Gabriel Barbosa passou a ser dor de cabeça para o treinador Jorge Jesus. O jogador está suspenso para o segundo e decisivo confronto da final do Campeonato Carioca. Pedro, no entanto, deve ser o substituto, com Bruno Henrique – poupado do primeiro jogo – retornando ao time titular. O Fla-Flu será disputado no Maracanã e terá início às 21h (horário de Brasília). O Rubro-Negro joga pelo empate para garantir o bicampeonato estadual.

Publicado em colunadofla.com.