| Futebol

Ney Franco revela seu projeto no Flamengo: "Quero a Libertadores"

Ao projetar confronto com Atlético-PR, na retomada do Brasileirão, treinador reconhece que prioridade deve ser tirar equipe da zona do rebaixamento

Ney Franco Treino Flamengo (Foto: Gilvan de Souza/Flamengo)Ney Franco sonha com a Libertadores (Foto: Gilvan de Souza/Flamengo)

Os cinco jogos sem vitória ou a incômoda 19ª posição, na zona do rebaixamento, não colocam dúvidas na cabeça de Ney Franco. O treinador tem total confiança em fazer o Flamengo render mais no Brasileirão. A partir da partida contra o Atlético-PR, em 16 de julho, a luta não será apenas por fugir do Z-4. O projeto é buscar uma das quatro vagas do G-4 e colocar o Rubro-Negro na Libertadores de 2015.  

A tarefa não é fácil. Além de recuperar as boas atuações, o time carioca precisa retomar terreno perdido. Está a um ponto do Bahia, o primeiro fora do Z-4. Nove do São Paulo, o primeiro do G-4. E, em relação ao Cruzeiro, o líder, a desvantagem é de 12 pontos.  

- Estamos muito mal no Brasileirão. O grande desafio é colocar o Flamengo em condição melhor. E o grande projeto é levar o clube à Libertadores do ano que vem. São dois caminhos: título da Copa do Brasil ou ficar entre os quatro do Brasileiro. A nossa prioridade, por ora, é sair da zona do rebaixamento e ir para a parte de cima da tabela – diz Ney Franco.  

Com apenas um reforço para a retomada do Brasileirão e a disputa da Copa do Brasil, o meio-campista argentino Canteros, contratado do Vélez, Ney aposta na recuperação de jogadores do atual grupo:  

- Estamos trabalhando e podem vir um ou dois novos jogadores. O certo é que temos um compromisso no dia 16, o retorno do Brasileiro, e o torcedor pode ter certeza de que verá uma equipe diferente. Alguns jogadores, que estavam em baixa, ou seja, que poderiam render mais, vão mostrar que estão recuperados.  

O Flamengo volta a treinar neste sábado. Pela manhã, os reservas disputam jogo-treino contra o Sindicato dos Atletas. Os titulares, à tarde, enfrentam o Madureira.

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.