A imprensa local noticia que o Besiktas estaria disposto a pagar até 2 milhões de euros (R$ 7,8 milhões) pelo centroavante de 33 anos. E este é justamente um modelo de negócio que interessa ao Alanyaspor, dono dos direitos federativos e econômicos do brasileiro.

Com as tratativas em andamento, Love sempre foi parceiro do Mengão na tentativa de obter a sua liberação. No entanto, com contrato até junho de 2020, convencer os turcos a repassá-lo por empréstimo se tornou algo praticamente inviável, uma vez que eles desejam uma compensação financeira satisfatória. Os cariocas, que não podem contar com Paolo Guerrero, gostariam de ter um novo fazedor de gols para a disputa da Libertadores. A estreia está marcada para o dia 28 de fevereiro, em casa, contra o poderoso River Plate. Sem o nome desejado, quem sabe então não seja a chance da vida para Felipe Vizeu, ​Vinicius Junior e outros jovens talentos do clube...