| Futebol

Nutricionista e Fisiologista comentam sobre jogo pela manhã

Profissionais do clube falam sobre preparação para partida as 11h

Horário permite maior recuperação de atletas

Horário permite maior recuperação de atletas

Acostumado a jogar à tarde ou à noite, o Flamengo jogará às 11h pela primeira vez no Campeonato Brasileiro de 2015, no próximo domingo (16.08), contra o Palmeiras, em São Paulo. De acordo com o fisiologista Cláudio Pavanelli e o nutricionista Leonardo Acro, nada que assuste. O horário diferente mudará pequenas ações na rotina do elenco, mas tudo foi planejado e a preparação iniciou logo após a vitória sobre o Atlético-PR.

A programação de treinos costuma contemplar pelo menos uma atividade pela manhã, geralmente aos sábados. Após os 3 a 2 no Estádio do Maracanã, as atividades de quinta a sábado no Centro de Treinamento George Helal foram todas às 10h. Mesmo assim, Pavanelli afirma que, pela análise do dia a dia do clube durante o ano, o elenco está mais preparado para partidas pela manhã do que às 22h.

"Estamos muito acostumados a treinar pela manhã em nossa rotina. Se analisarmos, nossa rotina é muito mais voltada para treinamentos pela manhã, do que adaptados para jogos às 22h. Não temos trabalhos próximos deste horário da noite. Pelo menos uma vez na semana, aos sábados, treinamos no período matutino. Todos os fatores estressantes, fora do esporte e do desgaste do movimento do jogo, como clima e distâncias geográficas, são rotinas nossas da comissão técnica, com preocupação de programar e planejar todo o ano e, frequentemente, reorganizar de acordo com essas mudanças, como neste caso específico de jogo pela manhã. Todo o Staff que tem por trás do time tem preocupação de fornecer melhores condições de adaptações rápidas para uma melhor performance.", disse.

Integrante importante do Staff citado pelo fisiologista, Leonardo Acro esclarece que a rotina da alimentação dos atletas sofrerá algumas alterações. A grande diferença será em relação à refeição pré-jogo. Desta vez, será servido café da manha, e não almoço ou jantar. A alimentação será basicamente rica em carboidrato e algumas proteínas, como pães integrais, bolos, vitaminas, sucos, frutas, granola, tapioca, aipim, batata doce, ovo cozido, ovo mexido (com quantidade reduzida de manteiga) e queijos brancos.

Sábado: ceia antecipada
Para o sábado (15.08), dia anterior à partida, algumas adaptações também estão previstas. Assim que a delegação chegar ao hotel, em São Paulo, os atletas terão à disposição água, água de coco, suco, frutas, biscoitos e um pouco de requeijão para realizarem um pequeno lanche. Às 19h, o jantar será servido normalmente, e, a partir das 21h30, a ceia. Normalmente a ceia é oferecida por volta das 22h30, mas a antecipação está relacionada ao duelo de domingo, para que possam fazer a digestão mais cedo e deitar sem a sensação de estarem com a barriga cheia. No dia seguinte, o café da manhã será das 07h45 às 08h30. No vestiário, como de praxe, haverá frutas, repositores hidroeletrolíticos, água de coco, café e alguns biscoitos. Com as devidas medidas e precauções tomadas, só resta a bola rolar. Quando o árbitro apitar o fim dos 90 minutos, porém, o trabalho continua. O nutricionista do clube agradece.

"O grande benefício é que acaba às 13h e temos um domingo inteiro para recuperar o atleta. Diferente de um jogo na quarta-feira, às 22h, em que acaba por volta de 00h. Até tomar banho, fazer exame antidoping, conversar no vestiário, o atleta chega em casa 01h, 01h30 com a adrenalina lá em cima e demora a dormir. Na quinta, tem que acordar para treinar e, eventualmente, viajar na sexta-feira. Para a recuperação deles, jogar às 11h é ótimo. Por outro lado, moramos em um País quente, e em um estado, especificamente, que faz muito calor. Na época do Campeonato Carioca, por exemplo, é verão e isso se torna inviável. Durante este horário o sol está a pino. A radiação é maior e a exposição, mais prejudicial. Mesmo sendo inverno, já temos uma temperatura elevada, mas ainda consigo ver como uma boa estratégia para recuperar bem o elenco.", ressaltou.

Fonte: http://www.flamengo.com.br/site/noticia/detalhe/21930/nutricionista-e-fisiologista-comentam-sobre-jogo-pela-manha

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.