| Futebol

O futuro de Vinícius Jr.

flameng - O futuro de Vinícius Jr.

Com 16 anos Ronaldo estreia no time profissional do Cruzeiro pelo Campeonato Brasileiro, meses depois já passava a ser cobiçado pelos gigantes europeus e já é tratado como fenômeno pelo mundo inteiro.

Com 18 anos, Ronaldinho estreia pelo Grêmio em uma Libertadores da América, em 1999 é convocado pela seleção brasileira, assombra o mundo com seu talento, e faz o gol do título do campeonato gaúcho.

Com 17 anos de idade, em 2009, Neymar estreia no time profissional pelo Campeonato Paulista, frente ao Oeste, 8 dias depois marcaria seu primeiro gol como profissional, e seria vice-campeão com o time paulista e eleito a revelação do campeonato.

Com 16 anos Vinícius Júnior se destaca na Copa São Paulo de Futebol Júnior, é convocado para disputar o Sulamericano pela Seleção Brasileira Sub-17, onde conduz a equipe ao título, é o artilheiro da competição e eleito o melhor jogador da mesma.

E agora Vinícius Júnior volta ao Flamengo. Os clubes europeus já se degladiam para ver quem vai levar a jovem promessa. 30 milhões de euros é a multa para rescisão do contrato. Caso o jogador siga o caminho que se desenha para ele, uma pechincha.

Os torcedores mais conservadores, sugerem que o jovem seja acompanhado, que tenha paciência na transição, que ainda é muito cedo para lança-lo no time profissional e que isso pode “queimá-lo”.

Os torcedores mais ávidos exigem a integração ao time profissional e o aproveitamento já neste campeonato carioca. Alguns já o veem como titular, jogando pela ponta esquerda no lugar de Everton, ou caindo pela direita no lugar de Mancuello ou Berrio.

Nem o céu, nem o inferno. É fato que o jogador deve ter toda uma preparação para ser integrado ao time profissional, onde a realidade é completamente diferente. Mais que habilidade, o físico é importantíssimo. Porém, como disse o Jornal “Às” da espanha, Vinícius Jr. É o tipo do jogador que nasce de 10 em 10 anos, não é como os demais, é diferenciado.

No caso dele a transição deve ser feita de uma forma completamente diferente dos demais, já que ele já mostrou que está pedindo passagem e que não se pode esperar muito para ter esse talento a disposição do time profissional.

Tem também toda uma questão contratual, o contrato de Vinicius Jr. vai até 2019. Com todo o assédio dos clubes europeus, o jogador aceitaria continuar jogando pela base? Em 2018, quando completar 18 anos, isso não pode ser um fator negativo na decisão do jogador em aceitar ou não uma renovação de contrato?

Portanto, talvez tenha chegado sim a hora de subir o aspirante a craque para o elenco profissional, para que ele comece a sentir a diferença, aumente sua dificuldade nos treinos e mostre ali, no meio dos grandes, que pode ser mais uma referência do futebol alegre, habilidoso e mágico, que já foi o futebol brasileiro.

Que ele gradativamente comece a ser relacionado, entrar em algumas partidas e a partir daí provar que veio para ficar. Vinicius Jr. já chamou a atenção para si, precisa agora justificar a imensa expectativa criada em torno dele. Agora precisa mostrar que será diferenciado também no meio dos gigantes, muitas das vezes acéfalos, mas que ali já conquistaram seus espaços.

Espero que ao final do ano, o garoto seja mais um que como Ronaldo, Ronaldinho e Neymar, dentre tantos, ainda jovem conduziu o seu time à títulos e escreva seu nome na história do Flamengo.

Vinicius Jr. Precisa disso. O Flamengo precisa disso. O futebol brasileiro precisa disso. Que se confirme o surgimento de mais um craque.

SRN!

Jerônimo Simeão Júnior

#ColunaDoJJ

Concorda? Discorda? Comente e Divulgue! Ah! e se quiser saber mais sobre o Mengão segue lá no Twitter @JeronimoSJunior!É Mengão 24 horas!

Fonte: http://colunadoflamengo.com/2017/03/o-futuro-de-vinicius-jr/

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.