| Futebol

O relaxamento rubro-negro

flameng - O relaxamento rubro-negro

Caraca, moleque, que dia, que isso… Ontem o dia do Flamengo foi movimentadíssimo, de tudo ocorreu, mas entre mortos e feridos, estamos firmes.

Com exceção da histórica apresentação da nossa nova parceira Carabao, tudo que aconteceu nesse dia 26 de Janeiro de 2017 foi mais por culpa de um certo relaxamento da alta cúpula do Flamengo, era pra diretoria ter agido antes e evitar alguns transtornos.

Começando pelo caso do Godinho, ainda que esse escândalo não tenha respingado muito no Flamengo, mas era pra diretoria ter afastado o vice-presidente antes, em setembro do ano passado, quando o dirigente foi conduzido coercitivamente na 34ª fase da Operação Lava-Jato.

De qualquer maneira, não passa uma impressão legal o Flamengo ser citado na capa do caderno policial em um caso de corrupção justamente no dia da apresentação do novo patrocinador, mas ainda gozamos de prestígio e confiança com a imagem do Bandeira de Mello.

Depois vieram as informações de que a contratação do ponta Orlando Berrío está acertada, o que pra alguns pode ser um bom negócio, mas pra mim é uma tragédia anunciada, é caríssimo, e tem um currículo bem pobre. A reação dos colombianos no Twitter quando ele entrou no Jogo da Amizade ilustra isso:

Ficamos traumatizados com jogadores nessas características após Marcelo Cirino se tornar o pior investimento do Flamengo dos últimos 20 anos, mas vamos torcer para que dê certo, só não venham falar que ‘todo mundo queria’ se não der certo depois, tomara que eu queime a minha língua.

E sim, isso foi por culpa do relaxamento da diretoria do Flamengo também, não é mistério algum que precisamos de pontas de qualidade caso Zé Ricardo não abra mão do seu 433, era pra ter encaminhado a contratação de um jogador melhor antes, e não às vésperas do inicio da temporada.

E agora teremos o mesmo problema com a lateral-esquerda, deixamos pra vender o Jorge muito tarde, ou muito cedo. O valor? Corretíssimo, 30 milhões é aceitável sim, senhores. Trata-se de um lateral, e não um meia ou um atacante, existe essa diferença, não tem como negar.

Marcelo foi vendido ao Real Madrid por 16 milhões, mais novo, jogando de titular na seleção, e fazendo gol. Douglas Santos, medalha de ouro com o Brasil na Rio-2016, foi vendido por 25 milhões. Jorge não é genial, mas tem potencial pra chegar lá.

Acredito que já estava engatilhada essa situação, pois tá na cara que o Trauco veio era pra ser titular, só achei que era pra ter vendido o Jorge no mês passado ou acertado para sair só janela do meio do ano, para termos tempo de ir atrás de um bom e barato substituto para o peruano.

Ainda tem o caso do Paulo Victor, quem tembém era pra ter saído bem antes, além de um lateral-esquerdo reserva, teremos que ir atrás de um goleiro cascudo para jogar a Libertadores da América, não podemos colocar essa responsabilidade nos jovens que temos.

Enfim, acredito que tudo será resolvido, mas é preocupante esses primeiros jogos do Flamengo no ano, pois ainda estaremos acertando as coisas.

Que os deuses do futebol estejam com o Flamengo!

Vinny Dunga

Siga no Twitter:  twitter.com/DungaVinny (@DungaVinny)

Curta no Facebook: facebook.com/ColunaDoVinny

Fonte: http://colunadoflamengo.com/2017/01/o-relaxamento-rubro-negro/

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.