| Futebol

"Orgulho da Nação", basquete será homenageado antes de Fla x Galo

Time de José Neto vai ganhar faixas comemorativas e mostrar taça da Copa Intercontinental no Maracanã. "É um orgulho imenso", afirma Marcelinho Machado

Basquete Flamengo x Macaé (Foto: Gilvan de Souza / Flamengo)Felício, Gegê e Olivinha festejam mais um título carioca (Foto: Gilvan de Souza / Flamengo)

O Flamengo terá pela frente o Atlético-MG nesta quarta-feira, às 22h (de Brasília), no Maracanã, em jogo válido pela semifinal da Copa do Brasil. E, apesar de o jogo ser de futebol, os torcedores rubro-negros terão a oportunidade de reencontrar o time de basquete, que foi apelidado por eles de "Orgulho da Nação". Marcelinho, Marquinhos, Laprovittola, Jerome Meyinsse, Walter Herrmann e o restante da equipe comandada por José Neto vão receber faixas comemorativas antes de a bola rolar e mostrarão a taça da Copa Intercontinental de Clubes, conquistada no mês passado, na Arena da Barra, após vitória sobre os israelenses do Maccabi Tel Aviv.

- É um orgulho imenso poder entrar no gramado antes do time de futebol. Para alguém como eu, que cresceu na Gávea, viu Zico, Adílio, Andrade & cia. treinando, ainda mais. Entrar em campo no palco sagrado do futebol como o Maracanã para ser reconhecido será bom demais. Já fiz isso, mas vai ser a primeira vez que vou celebrar um Mundial (Copa Intercontinental de Clubes) - declarou o ala Marcelinho Machado, em referência à conquista do primeiro NBB do Flamengo, em 2008, quando o time de basquete teve a oportunidade de ser saudado no campo do estádio antes de um jogo contra o Figueirense pelo Campeonato Brasileiro.

Basquete Flamengo x Macaé (Foto: Gilvan de Souza / Flamengo)Campeão carioca, basquete do Fla será homenageado nesta quarta no Maracanã (Foto: Gilvan de Souza / Flamengo)




O "Orgulho da Nação", aliás, ganhou outra alcunha, a de "Campeão de Tudo". Afinal, além da Copa Intercontinental, os rubro-negros venceram o Novo Basquete Brasil (NBB) e a Liga das Américas, sendo convidados para fazer três jogos da pré-temporada da maior liga de basquete do planeta, a NBA, nos Estados Unidos. O ala Marquinhos, de 30 anos, também se mostrou empolgado com a chance de se apresentar aos fãs no gramado do Maracanã.

- É a minha primeira oportunidade. Vai ser gratificante entrar naquele gramado com a torcida vibrando. Espero que o Flamengo ganhe o jogo. O momento do time é muito bom desde que o Luxemburgo chegou - disse Marquinhos.

Frequentador assíduo como torcedor, o ala-armador Vítor Benite, de 24 anos, acredita que a sensação de celebrar a Copa Intercontinental de Clubes diante de milhares de flamenguistas será única. 

- O futebol faz parte da história do Brasil. Todo mundo sonha ser jogador quando pequeno. Sentir um pouco disso no estádio mais famoso do mundo terá uma dimensão absurdamente grande. Em um país onde o futebol é o esporte principal, ser reconhecido assim é maravilhoso e só mostra aonde o basquete do Flamengo chegou - opinou o jogador.

Marcelinho Basquete Flamengo x Macaé (Foto: Gilvan de Souza / Flamengo)Herrmann e Marcelinho saúdam a torcida  (Foto: Gilvan de Souza / Flamengo)

Um dos mais queridos dos fãs, Olivinha abriu um largo sorriso quando perguntado sobre a homenagem do clube e fez coro ao companheiro.

- Eu fico orgulhoso demais. Vai ser uma homenagem do clube à nossa equipe e será inesquecível. Acho que não só pela Copa Intercontinental, mas por todas essas conquistas. Vai ser de arrepiar receber as faixas no Maracanã - comentou o camisa 16.

Nesta terça-feira, na Gávea, veio mais um título e um feito histórico para o Flamengo. Após bater o Macaé, o Rubro-Negro sagrou-se pela segunda vez decacampeão carioca: 10 títulos consecutivos desde 2005. A primeira havia sido sob o comando do técnico Kanela, de 1951 a 1960. O triunfo ocorreu justamente no dia do padroeiro do clube, São Judas Tadeu, quando é comemorado o Dia do Flamenguista.

O próximo compromisso do Flamengo no basquete será a estreia da edição 2014/2015 do Novo Basquete Brasil (NBB), contra o Paulistano. A equipe foi a mesma que o Rubro-Negro enfrentou e venceu na decisão da última competição, e o jogo será na casa do rival, em São Paulo, às 19h30 (de Brasília).

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.