• BICAMPEÃO DA LIBERTADORES
  • HEPTACAMPEÃO BRASILEIRO

Pablo Marí confirma ‘mudança de patamar’ após títulos, mas mantém confiança no elenco do Flamengo

O ano de 2019 foi, certamente, um dos melhores da história do Flamengo. Com a chegada de Jorge Jesus, o Mais Querido se acertou e passou por cima da concorrência, conquistando, assim, a tão sonhada Libertadores, após 38 anos de espera. Além da América, o Rubro-Negro também foi o dono do Brasil na temporada, visto que levou para casa o Brasileirão. Entre os símbolos do elenco, o espanhol Pablo Marí caiu nas graças da torcida assim que chegou, e foi titular absoluto com o Mister.

No momento, o zagueiro defende o Arsenal, um dos maiores clubes da Inglaterra. Mesmo assim, o jogador concedeu entrevista à João Castelo Branco, dos canais Disney, e comentou sobre o carinho com os companheiros. Seguindo a linha, o espanhol abordou, também, que existe relaxamento após grande número de títulos, mas que tem plena confiança no elenco rubro-negro para dar a volta por cima.

Não é fácil, depois de ganhar tudo, seguir no mesmo nível. Não é fácil, porque muitas vezes quando você consegue algo tão grande em tão pouco tempo, é porque a situação se deu para ser assim. Praticamente são os mesmos jogadores de 2019, com as mesmas vontades, os mesmos pensamentos, as mesmas emoções. Simplesmente são duas peças que não estão mais, não é o suficiente para que mude tudo tão radicalmente, só que é muito difícil manter o nível de todo mundo.

Sigo acreditando neste time, no Flamengo, sigo acreditando no staff, no diretor esportivo, no diretor geral, no presidente Landim, são pessoas maravilhosas, que sempre pensam no bem do Flamengo. Qualquer decisão que tomam sempre é pelo bem do clube. Sei que eles vão mudar esta situação. Sei que não está sendo fácil para o Flamengo, mas estou certo de que vão melhorar.

Pelo Flamengo, Marí disputou 30 partidas e marcou três gols. Além disso, o atleta ganhou o coração da Nação, com atuações segura e lançamentos perfeitos. Certamente é um dos nomes que mais ficou marcado no ano mágico, visto que, antes da contratação, o zagueiro não era conhecido. Curiosamente, no momento, o Mais Querido convive com problemas defensivos, e a saudade do espanhol aumenta a cada rodada.

Publicado em colunadofla.com.