| Futebol

Pacotão do Fla: boa ação das equipes, lance polêmico e árbitro atrapalhado

Flamengo vence Vitória por 2 a 1 de virada no Barradão e partida tem ainda recuo de Marcio Araújo que fez torcida ficar apreensiva no segundo tempo





O Flamengo venceu o Vitória por 2 a 1, de virada, no Barradão na noite de sábado e colou no líder Palmeiras. Com gols de Fernandinho e Gabriel, a partida, que levou o Rubro-Negro aos 46 pontos no Campeonato Brasileiro, teve campanha de conscientização, susto no recuo de bola para Muralha, falta duvidosa e árbitro trapalhão no ataque do Fla.







Em uma bela ação de conscientização, Flamengo e Vitória entraram em campo com camisas amarelas em apoio à campanha Setembro Amarelo. É que no próprio sábado foi o Dia Mundial de Prevenção do Suicídio, e os times resolveram apoiar. Além disso, durante todo a partida, os jogadores de ambas as equipes usaram uma munhequeira amarela também em alusão à campanha.









Márcio Araújo deu um susto na torcida do Flamengo. Ao recuar a bola para o goleiro Muralha, que teve boa atuação na partida, o jogador deixou o camisa 38 sem opções de jogada. O goleiro teve que dar um chutão na bola para afastar o perigo iminente dentro da área rubro-negra. Que susto!








Um lance duvidoso aconteceu aos 20 minutos da etapa final, quando Jorge subiu até a linha de fundo adversária e tentou cruzar ao gol. No caminho, a bola bateu na mão de Ramon, que se posicionava dentro da área, e o juiz marcou falta. A torcida pediu pênalti, mas o árbitro manteve a marcação. Polêmica!

Já no fim da partida, aos 47 do segundo tempo, o árbitro Vinícius Furlan acabou atrapalhando uma jogada de ataque do Flamengo. Jorge - mais uma vez - subiu para cruzamento, a bola sobrou na defesa do Vitória e bateu no juiz, que levou as mãos ao alto. A sobra ficou com o jovem goleiro Caíque e o Fla não conseguiu terminar a jogada.

Fonte: http://globoesporte.globo.com/futebol/times/flamengo/noticia/2016/09/pacotao-do-fla-boa-acao-das-equipes-lance-polemico-e-arbitro-atrapalhado.html

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.