| Futebol

Pacotão: rodada#20 tem golaço de Richarlyson e pisão de Airton em Pato

No Barradão, capitão do Vitória cobra falta com efeito e acerta o ângulo. Em Brasília, volante do Botafogo fica com o sarrafo ao deixar o pé na cabeça do são-paulino

Richarlyson gol Vitória x Internacional (Foto: Getty Images)Richarlyson comemora o belo gol de falta marcado contra o Internacional (Foto: Getty Images)

Começa o jogo no Barradão e, logo aos sete minutos, o Vitória tem uma falta a favor no lado direito da área. O capitão Richarlyson vai para a cobrança. A bola pega um efeito extraordinário, encobre o goleiro Dida e vai parar no ângulo. O lindo lance não só abriu o placar no triunfo de 2 a 0 do Rubro-Negro sobre o Internacional, como foi escolhido o golaço da rodada#20 do Brasileirão. O meio de semana também teve destaques negativos. Na derrota do Botafogo por 4 a 2 para o São Paulo, no Mané Garrincha, Airton derrubou Alexandre Pato no gramado e, em seguida, pisou na cabeça do atacante. O árbitro não titubeou e expulsou o volante, que ficou com o sarrafo da jornada.

Gabriel, do Santos, foi outro personagem a mandar mal. Na derrota por 3 a 1 para o Sport, na Arena Pernambucano, o atacante "evitou" um gol de David Braz, ao tocar a bola para o fundo da rede em posição irregular. Muy, amigo! Depois, ele teve outro gol anulado, mas dessa vez, a arbitragem errou feio ao assinalar impedimento inexistente de Leandro Damião na jogada. 

A 20ª rodada também ficou marcada por uma notícia fora das quatro linhas. A partir da última quarta-feira (10 de setembro), em todas as partidas da Série A do Campeonato Brasileiro começa a vigorar um novo protocolo de imprensa e acesso das equipes ao campo de jogo. A princípio as normas serão válidas somente na elite do Brasileirão, mas o objetivo da CBF é estendê-lo a todos os jogos de competições nacionais. As regras serão organizadas por profissionais treinados pela entidade chamados de supervisores de protocolo.

INFO - pacotão da rodada 20 (Foto: Editoria de Arte)





Header pacotão GOLAÇO (Foto: Editoria de Arte)


No Barradão, o Vitória abriu o placar no triunfo de 2 a 0 sobre o Internacional com uma pintura de Richarlyson. Aos sete minutos do primeiro tempo, o capitão do time rubro-negro resolveu cobrar direto para o gol uma falta da ponta direita e surpreendeu Dida. A bola pegou um efeito incrível, encobriu o goleiro do Colorado e morreu na gaveta. Após a partida, o meia garantiu que a jogada foi trabalhada, mas se mostrou surpreso com a curva feita pela bola. Nós também. Palmas para ele!  

HEader Pacotão defesa (Foto: Editoria de Arte)



O Goiás venceu o Flamengo por 1 a 0, na Arena Pantanal, e subiu quatro posições na tabela do Brasileirão. O placar poderia ter sido ainda maior se Paulo Victor não estivesse em noite inspiradíssima. Foram três defesas difíceis, a mais bela de todas em cabeçada de Jackson no seu canto direito. O goleiro deu um enorme salto e com a ponta dos dedos tocou na bola, que bateu na trave e voltou para Erik. O atacante finaliza mais duas vezes e o arqueiro do Rubro-Negro, mesmo caído, evita o gol do Esmeraldino. 

Header pacotão SARRAFO (Foto: Editoria de Arte)



No vitória do São Paulo por 4 a 2 sobre o Botafogo, no Mané Garrincha, uma cena violenta deixou revoltados os jogadores do Tricolor Paulista. No início do segundo tempo, Alexandre Pato recebeu na intermediária, Airton empurrou o atacante e cometeu a falta. Na sequência, o volante teve uma atitude intempestiva e, com o pé direito, pisou na cabeça do atacante, que estava caído no gramado. O árbitro não pensou duas vezes e mostrou o cartão vermelho para o botafoguense, que prejudicou qualquer reação do time carioca. Coisa feia!  

Header pacotão GOL MAIS PERDIDO (Foto: Editoria de Arte)



No Pacaembu, o Palmeiras já vencia o Criciúma por 1 a 0, quando Henrique aos 44 minutos da etapa final desperdiçou uma oportunidade incrível. Cristaldo recebeu dentro da área pelo lado direito e deu um passe açucarado para o companheiro de ataque balançar a rede. Mas, o camisa 19 do Verdão pegou mal na bola e mandou por cima do travessão. Bota o pé na fôrma!


Header pacotão DRIBLE (Foto: Editoria de Arte)



Os torcedores do Grêmio que encararam o mau tempo na Arena saíram felizes com a quarta vitória seguida do time no Brasileirão. Barcos, já nos acréscimos, marcou um belo gol e o Tricolor gaúcho bateu o Atlético-PR por 1 a 0. Além da vitória, os gremistas festejaram um lindo drible de Luan em Natanael. O atacante já estava sendo marcado por Willian Rocha na ponta direita, quando de costas, deu um leve toque e mandou a bola entre as pernas do lateral-esquerdo do Furacão.    

Header pacotão MICO (Foto: Editoria de Arte)



O Santos perdia para o Sport por 2 a  1 quando Souza, em cobrança de falta, levantou a bola na área. Na sequência, a defesa do time pernambucano rebateu mal e a bola sobrou limpa para David Braz. O zagueiro chutou rasteiro de canhota e só não fez o gol porque Gabriel se meteu na frente e, em posição irregular, chutou para dentro da rede. David Braz ficou irritado por ver o seu provável gol sendo anulado e chamou o companheiro de maluco. Depois deste lance, Patric marcou o terceiro dele no jogo para fechar o placar de 3 a 1.    

Header pacotão ERRO (Foto: Editoria de Arte)



Além do mico protagonizado, Gabigol foi personagem de outro lance que deixou os santistas indignados. Mas, dessa vez a arbitragem errou feio. Aos 37 do segundo tempo, Leandro Damião recebeu passe de Rildo em posição legal e tocou de peito para Gabriel, que estufou a rede. No entanto, o assistente Wendel de Paiva Gouveia marcou impedimento equivocado de Damião, que fez o sinal discordando da marcação do bandeirinha. Poderia ter mudado a história do jogo, pois aquela altura seria o gol de empate do Peixe.


Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.