| Futebol

Pai batiza filho como Paollo Guerrero e o apresenta a jogador do Flamengo

Rodrigo Guerreiro batizou o filho com o mesmo nome do atacante e, a pedido do peruano, a família de Rondônia foi convida para conhecer o clube<br>

flameng - Pai batiza filho como Paollo Guerrero e o apresenta a jogador do Flamengo

O jornalista rondoniense Rodrigo Mota batizou seu filho com o nome do atacante e dono da camisa 9 do seu time coração. O pequeno Paollo Guerrero tem apenas quatro meses de vida, mas já conheceu o ídolo e xará rubro negro. A convite do clube, Rodrigo e a família conheceram as instalações do Flamengo e assistiram a vitória por 2 a 0 do clube contra o Santos, no Maracanã, pela penúltima rodada do Campeonato Brasileiro de 2016.

O torcedor conta que a escolha do nome de Paollo foi em parte uma feliz coincidência com o nome do atacante do rubro negro carioca, mas não perdeu a oportunidade de levar o pequeno para receber a 'benção' do ídolo.

- Desde os meus 12 anos as pessoas me conhecem pelo codinome de Guerreiro e, inclusive, já dei entrada ao processo para registrar como sobrenome. Como já usava o apelido decidi unir o útil ao agradável e batizar meu filho com o nome do Guerrero. Quando fui registrar o bebê o cartório não queria deixar, tiveram que realizar uma consulta ao juiz da comarca pedindo autorização – afirma Guerreiro.

Rodrigo é sócio torcedor do clube carioca e decidiu cadastrar o pequeno Paollo para incluir o filho no programa. Segundo o jornalista, o nome do filho chamou a atenção da ouvidoria do Flamengo.

- Quando cadastrei o Paollo no programa de sócio torcedor, a ouvidoria do Flamengo e a assessoria de imprensa falaram ao Guerrero da existência do bebê e ele quis conhecer o meu filho - comenta Rodrigo.

O clube então convidou Rodrigo, sua esposa e o pequeno Paollo para viajarem até o Rio de Janeiro, RJ, onde assistiram o treinamento do clube e assistiram a partida entre Flamengo e Santos, no Maracanã. A família ganhou presentes do rubro negro, entregue pelo atacante peruano. O camisa 9, se disse emocionado com o nome da criança.

- Estou orgulhoso, me satisfaz muito que tenham colocado o meu nome no menino e agora eu tenho um homônimo aqui no Brasil. Isso me motiva mais para seguir jogando, querendo o melhor para o time. Eles são torcedores do Flamengo e me dão uma motivação especial – comentou Paolo Guerrero.

Fonte: http://globoesporte.globo.com/ro/noticia/2016/12/pai-batiza-filho-como-paollo-guerrero-e-o-apresenta-jogador-do-flamengo.html

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.