| Futebol

Pai de Diego comemora acerto com o Flamengo: ‘Um dos maiores clubes do Brasil’

flameng - Pai de Diego comemora acerto com o Flamengo: ‘Um dos maiores clubes do Brasil’

Seu Djair Ribas, pai de Diego e um dos responsáveis pelo desfecho positivo na contratação do jogador pelo Flamengo, comemorou o acerto anunciado pelo clube depois de dias de tensão para a liberação do Fenerbahçe, da Turquia.

De malas prontas para o Rio, onde o jogador se apresenta nesta quarta-feira para conceder sua primeira entrevista coletiva como jogador do clube, o pai de Diego explicou porque o Flamengo foi o escolhido para o meia voltar ao Brasil após 12 anos.

- Acho que agora é o início de um novo trabalho. A intenção é ele chegar para somar. O Flamengo é um dos clubes maiores do Brasil - declarou Seu Djair, em rápido contato telefônico.

Depois de passagens por clubes da Europa, Diego terá a missão de provar que ainda é o craque revelado no Santos em 2002. Seu Djair atribuiu a volta ao Brasil ao momento da carreira do jogador, que tem 31 anos.

- Tudo foi o momento. Foi oportuno. Nada de antecipação dos turcos, aconteceu o casamento com o Flamengo - ilustrou o representante de Diego.

Aos 17 anos, Diego foi um dos grandes destaques da conquista do campeonato brasileiro pelo Santos. Em 2003, o atleta chegou à Seleção Brasileira principal e, no ano seguinte, foi campeão da Copa América 2004 com 19 anos - e bicampeão em 2007. Aos 20, já tinha um Mundial Interclubes no currículo, conquistado pelo Porto-POR.De Portugal, o atleta seguiu para a Alemanha, onde defendeu o Werder Bremen (2006-2009). A chegada na equipe não poderia ter sido melhor, sendo campeão da Copa da Liga Alemã, e recebendo o prêmio de melhor jogador da Bundesliga na temporada 2006-2007. O desempenho do atleta rendeu elogios até de um dos maiores jogadores da história, o "Kaiser" Franz Beckenbauer. Pelo clube alemão, Diego fez 132 partidas, marcando 54 gols.O meia ainda teve boa passagem pela Juventus, da Itália, na temporada 2009-2010, e voltou à Alemanha no ano seguinte, onde defendeu o Wolfsburg de 2010-2013. Nesse período, o jogador foi emprestado ao Atlético de Madrid na temporada 2011-2012, onde foi campeão da Liga Europa sendo um dos destaques da equipe na competição. Diego voltou a defender o clube espanhol em 2014, novamente por empréstimo, até o término do tempo de contrato com o Wolfsburg e, em seguida, assinou com a equipe do Fenerbahçe. Pelo clube turco, marcou sete gols em 57 partidas.

Fonte: http://extra.globo.com/esporte/flamengo/pai-de-diego-comemora-acerto-com-flamengo-um-dos-maiores-clubes-do-brasil-19746895.html

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.