| Futebol

Paquetá abre discussão sobre raça no Flamengo após bronca viralizar

Vídeo espalhado nas redes registrou esforço do atacante na derrota para o São Paulo

flameng - Paquetá abre discussão sobre raça no Flamengo após bronca viralizar

Na era dos memes na internet, uma imagem compartilhada pode valer mais do que palavras e um plano de jogo. E a cobrança da torcida do Flamengo para que o time tenha, além de desempenho, mais entrega motivou conversas internas entre jogadores e dirigentes por uma mudança de postura.

O personagem central dessa reflexão foi Lucas Paquetá, que tem se desdobrado na marcação de forma até impulsiva. Depois do jogo com o São Paulo (quando um vídeo com o jogador correndo de um lado para o outro, marcando, e depois perdendo a paciência, viralizou), houve cobrança no vestiário por mais dedicação.

O técnico Reinaldo Rueda, que costuma falar em resgatar a mística do clube, vem pedindo mais brio, e a pressão ganhou eco entre os dirigentes e os próprios atletas. A preocupação de jogar para a galera, e não para o time, veio em seguida. Cada atleta a seu modo, então, passou a reagir e a tentar comunicar com o torcedor.

No Fla-Flu da Sul-Americana, Willian Arão e Felipe Vizeu pediram apoio das arquibancadas após se esforçarem em algumas jogadas. Diego deixou o Maracanã alertando para o equilíbrio entre controle emocional e correria para agradar à torcida. Éverton Ribeiro confirmou que o tema tem sido pauta no clube, mas que é preciso no fim das contas produzir melhor:

— Não falta vontade, raça. Às vezes, a gente corre muito e não produz. Desta vez, conseguimos nos impor e fazer o gol, controlar o jogo. Tem que ser assim. Se impor e fazer o gol.

Com um fim de ano frustrante e sem títulos de expressão por enquanto — apesar do alto investimento —, o torcedor quer no mínimo é que se honre a camisa do Flamengo.

— A gente conversou sobre isso. Mesmo correndo, tem que mostrar isso num carrinho, porque a nossa torcida gosta disso, da vontade, da raça. Tem que continuar fazendo isso, para ter a torcida do nosso lado — comentou o camisa sete, que fez apenas um alerta. Segundo Éverton Ribeiro, nem sempre só a vontade resolve uma partida.

O zagueiro Réver sofreu lesão no ligamento colateral medial do joelho direito e vai desfalcar o time por um mês. Outro que não joga amanhã é o atacante Guerrero, que se recupera de lesão muscular na coxa esquerda.

Fonte: https://oglobo.globo.com/esportes/paqueta-abre-discussao-sobre-raca-no-flamengo-apos-bronca-viralizar-21999136

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.