Para garantir que o clube não sairá no prejuízo caso algum dos jogadores deixe o time, a multa rescisória foi aumentada e, dessa forma, o clube terá fundos para conseguir um jogador à altura. 

Em entrevista encontrada no ​Lance!, Flávio Godinho contou que: "O Flamengo estendeu os contratos do Muralha e do Arão por mais um ano. Eles têm vínculo, hoje em dia, até final de 2019, com uma multa contratual aumentada. Isso faz parte da nossa gestão profissional no clube. O Flamengo tem que proteger o seu patrimônio, na medida que o Arão e o Muralha são jogadores com nível de Seleção Brasileira. Então, o Fla tem que se precaver e reconhecer as boas performances dos seus atletas renovando os seus contratos. É parte da nossa política"

Essa ação também foi tomada como forma de reconhecimento do bom desempenho dos jogadores nessa temporada. Outro jogadores que também tiveram seus contratos estendidos, estão Juan e  Márcio Araújo.