| Futebol

"Paulo Victor saves", choro na frente... Reservas mantêm Fla na cola do líder

Jogadores pouco utilizados levaram desfalcado Flamengo ao triunfo contra o Santa Cruz em tarde apagada de Diego

Guerrero e Muralha, disputando as Eliminatórias, não jogaram. Damião e Jorge, suspensos, idem. Diego teve atuação apagada. Alan Patrick, que vinha entrando bem, foi mal como titular. Mesmo assim, o Flamengo se impôs e venceu o Santa Cruz por 3 a 0, no domingo, no Pacaembu. Como isso foi possível? Graças aqueles jogadores pouco aproveitados, que às vezes nem no banco ficam. Eles não foram brilhantes, mas fizeram o suficiente para mostrar a força do elenco rubro-negro na reta final do Brasileiro e deixar o torcedor esperançoso para as nove rodadas restantes.

PAULO VICTOR SAVES



A vitória começou a ser construída lá atrás. Com 5min de jogo, Paulo Victor venceu a desconfiança da torcida e impediu o gol de Keno, que saiu cara a cara.

UM MINUTO DEPOIS...


Felipe Vizeu precisou de um toque para abrir o marcador. Ele só jogou porque Guerrero e Damião não estavam à disposição de Zé Ricardo. Marcou e chorou muito na comemoração.

E POR ESSA, VOCÊ ESPERAVA?


Quem também chorou muito ao marcar foi o criticado Marcelo Cirino. Ele fechou o placar com estilo. E o passe, sabe de quem foi? De outro reserva pouco utilizado, Emerson Sheik, que enfiou linda bola.

SERÁ QUE ELE QUIS FAZER ISSO?


Chiquinho, suplente de Jorge e que ainda não conseguiu agradar a torcida rubro-negra, se arriscou bastante na frente. Iniciou a jogada do gol de Vizeu e quase surpreendeu com um golaço.

Fonte: http://globoesporte.globo.com/futebol/times/flamengo/noticia/2016/10/paulo-victor-saves-choro-na-frente-reservas-mantem-fla-na-cola-do-lider.html

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.