| Futebol

Paulo Victor vive maior temporada no Flamengo e se consolida na posição

Goleiro chega a 31 jogos no ano, seu recorde pelo clube, sendo todos como titular, conquista o respeito dos companheiros e recebe elogios de Alexandre Gallo

Paulo Victor treina nesta quinta-feira no Ninho do Urubu (Foto: Gilvan de Souza/Fla Imagem)Paulo Victor treina nesta quinta-feira no Ninho do Urubu (Foto: Gilvan de Souza/Fla Imagem)

Na chegada do técnico Vanderlei Luxemburgo em julho deste ano, o goleiro Paulo Victor viu sua chance de ouro chegar. Felipe foi afastado, e ele, efetivado como titular do Flamengo. Não decepcionou e a cada jogo se consolida como dono da posição, inclusive, já pensando na próxima temporada.

Na vitória por 2 a 0 sobre o Atlético-MG, quarta-feira, no Maracanã, Paulo Victor ajudou o time a sair de campo com boa vantagem no confronto da semifinal da Copa do Brasil com pelo menos duas boas defesas. Além disso, completou 31 jogos no ano, a sua maior marca até hoje no clube.

Antes, Paulo Victor tinha como recorde os 29 jogos disputados em 2012, quando foi comandado por Luxemburgo, Joel Santana e Dorival Júnior. Na ocasião, foram 25 como titular e quatro entrando no decorrer dos confrontos. Nesta temporada, iniciou os 31.

Em 2014, foram 25 gols sofridos nos 31 jogos disputados, com média de 0,8. No total, sofreu 80 gols em 85 partidas, com média de 0,94. Aos 27 anos, Paulo Victor tem total confiança do grupo para se manter na posição.

- É um jogador que esteve muito tempo no banco, recebendo poucas oportunidades. Ele está tendo uma sequência e vem crescendo. Mostrou qualidade para ser titular por um bom tempo e torcemos para que cresça cada vez mais - comentou o zagueiro Chicão.

Na quinta-feira, Paulo Victor ainda recebeu elogios do técnico Alexandre Gallo, responsável pelas categorias de base da seleção brasileira, no programa "Arena SporTV". O goleiro tem contrato com o Flamengo até maio de 2016 e a diretoria tem dado demonstrações de que não contratará um jogador para a posição no fim da temporada.


Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.