Com a saída de Carpegiani, o peso dos erros na situação de Reinaldo Rueda ganham força. O colombiano deixou o clube para treinar o Chile, em uma novela que se arrastou por semanas e atrasou o planejamento rubro-negro.

Na época, a diretoria do Fla insistiu por muito tempo que não perderia o treinador - e não se movimentou para encontrar um substituto de peso. Improvisou com Carpa, que não havia nem sido contratado para isso, e agora está novamente sem técnico. Tudo isso com menos de três meses de bola rolando no país. 

>>> Veja também: Nome de auxiliar ganha força nos bastidores do Flamengo

​​