| Futebol

Pequeno rubro-negro tem dia inesquecível no Maracanã

Miguel, que ficou famoso ao se emocionar com hino do Flamengo, conheceu o estádio e entrou em campo

Miguel (à esq.) entrou em campo com os jogadores

Miguel (à esq.) entrou em campo com os jogadores

O amor pelo Flamengo não se explica, se vive. Um amor que vem desde o nascimento e perdura pela vida toda. Na última semana, uma prova disto tomou a internet. Miguel, em seu aniversário de quatro anos, se emocionou com o hino do Flamengo e mostrou o quanto esta paixão pelo vermelho e preto é forte. O video do menino circulou em redes sociais e fez sucesso entre rubro-negros.

Neste domingo, Miguel foi convidado pelo Flamengo a comparecer ao Maracanã para assistir ao jogo do Mais Querido e conhecer os bastidores do estádio. E ganhou uma surpresa: entrar em campo com seus ídolos.

O pai, Carlos Alberto, garante que tem influência no 'rubro-negrismo' do filho, mas que Miguel o sente de sua própria maneira. "Claro tem uma influência grande minha pra ser rubro-negro, mas ao mesmo tempo ele tem reações muito espontâneas. Inclusive essa do vídeo, dele cantando... Isso já aconteceu diversas vezes. Ele realmente se emociona cantando o hino do Flamengo, quando vê o jogo também", disse. E se derreteu de elogios pelo pequeno rubro-negro. "Para mim é até complicado falar, é um orgulho muito grande, como rubro-negro, ter um filho como ele. Eu estava até brincando que vendo esse orgulho dele hoje pelo Flamengo ele já 'retribuiu' pra mim só neste dia que estou vivenciado com ele tudo que eu paguei por ele, todas as fraldas, tudo que a gente gasta com um filho e ainda vou gastar (risos)", completou.

Durante a experiência, Miguel disse várias vezes que ama o Flamengo e que quer ser jogador do Mais Querido quando crescer. Ao se deparar com a estátua de Zico, não titubeou e afirmou que o Galinho foi melhor que o argentino Lionel Messi. Carlos também curtiu o tour. "É muito bacana estar aqui. Nunca tinha tido esta experiência. É um dia inesquecível tanto para mim quanto para ele. Acho que a chance de virar a casaca é zero (risos)", se divertiu. E finalizou deixando um recado para outros rubro-negros. "Posso deixar um recado? Acreditem nesta diretoria, se tornem sócios-torcedores, por que o Flamengo vai ser muito gigante em alguns anos e isto está cada vez mais perto de acontecer", afirmou.

Fonte: http://www.flamengo.com.br/site/noticia/detalhe/21565/pequeno-rubro-negro-tem-dia-inesquecivel-no-maracana

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.