Tudo indica que o Flamengo passará sem problemas pela temida janela de transferências. Com apenas mais duas semanas para negociações, o rubro-negro acredita que nenhuma proposta irrecusável chegará por algum de seus principais jogadores. As informações são do UOL.

O principal temor era em relação a Paolo Guerrero. Por definição contratual, a multa rescisória do peruano despencou de R$ 77 milhões para R$ 25 milhões. Mesmo com a redução e com constantes sondagens do exterior, a tendência é que o centroavante fique no clube - até pela melhora de rendimento após a Copa América Centenário.

Outro que poderia sair é Emerson Sheik. Há dois meses em jogar, o jogador poderia rumar para o futebol árabe ou até mesmo rescindir amigavelmente o contrato. Todavia, ambas alternativas parecem mais distantes do que já estiveram em outros momentos do ano. 

Na conjuntura atual, com a equipe bem na tabela e os bastidores do clube relativamente estabilizados, o mais provável é que o rubro-negro tenha o elenco completo e tranquilidade total para buscar objetivos importantes no segundo semestre. Resta saber se Zé Ricardo e seus comandados saberão aproveitar este raro momento de águas calmas na Gávea. 

​​