| Futebol

Peruanos roubam a cena em estreia vitoriosa do Fla no Carioca

Um gol e duas assistência para Trauco. Dois gols de Guerrero. Festa rubro-negra em Natal

flameng - Peruanos roubam a cena em estreia vitoriosa do Fla no Carioca

Duas assistências e um gol. A estreia do peruano Trauco em jogos oficiais pelo Flamengo não poderia ser melhor.

O lateral-esquerdo foi o grande nome na vitória por 4 a 1 sobre o Boavista, na Arena das Dunas, em Natal (RN), neste sábado, pela primeira rodada do Campeonato Carioca. 90 minutos para fazer a torcida esquecer rapidamente a venda de Jorge, na quinta-feira, para o Monaco (FRA).

Trauco começou a mostrar seu cartão de visitas com menos de dois minutos. Na primeira chegada perigosa do Fla, ele cruzou da esquerda e Mancuello apareceu na área, livre, mas não conseguiu cabecear. Faltou cacoete de atacante para o argentino.

Ao olhar para o lado do Boavista, o torcedor rubro-negro tinha uma sensação de déjà-vu. Joel Santana à beira do campo, Felipe no gol, Erick Flores na armação, além de Gustavo Geladeira e Fellype Gabriel no banco de reservas. E o time de Saquarema foi valente, criando pelos dois lados do campo e dando alguns sustos em Muralha.

Aos 31 minutos, após chances criadas pelos dois times, saiu o primeiro zero do placar. Trauco cruzou com perfeição, na cabeça do compatriota Guerrero. O atacante subiu mais do que Antonio Carlos para marcar.  Peru e Fla em festa!

O gol não fez o Boavista desmoronar. E dez minutos depois, Mosquito empatou na mesma moeda. Assistência de Pedro Botelho e cabeçada firme para a rede. Recompensa justa pela atitude e atuação da equipe de Saquarema.

Na volta para o segundo tempo, o time do Papai Joel começou pressionando. E parecia mais perto do segundo gol. Mas foi castigado. Trauco resolveu curtir uma de atacante e apareceu na cara de Felipe para completar triangulação com Guerrero e Mancuelo. Um bonito gol do lateral.

Zé Ricardo, então, resolveu trocar Adryan por Rodinei. E o resultado foi imediato. Jogando à frente de Pará, Rodinei foi ao fundo e cruzou para Guerrero. E, mais uma vez de cabeça, o peruano marcou.

Foi o golpe de misericórdia no Boavista.  O jogo seguiu aberto, com mais oportunidades criadas dos dois lados. E deu tempo para Trauco fazer mais uma assistência, desta vez para Diego, transformar o placar em goleada.

FICHA TÉCNICA
FLAMENGO 3 X 1 BOAVISTA

Local: Arena das Dunas, em Natal (RN)
Público e renda: 9.211 pessoas/R$ 635.77
Data/Hora: 28 de janeiro de 2017, às 19h30
Árbitro: Leonardo Garcia (RJ)
Assistentes: Jackson Lourenço e Diego Couto (ambos do RJ)
Cartões amarelos: Trauco, Mosquito e Christiano

GOLS: Guerrero, 31'/1ºT (1-0); Mosquisto, 41'/1ºT (1-1); Trauco, 8'/2ºT (2-1); Guerrero, 15'/2ºT (3-1); Diego, 46'/2ºT (4-1)

FLAMENGO
Alex Muralha; Pará, Réver, Rafael Vaz (Juan 39'/2ºT) e Trauco; Rômulo (Márcio Araújo 27'/2ºT), William Arão e Diego; Adryan (Rodinei 14'/2ºT), Mancuello e Guerrero. Técnico: Zé Ricardo

BOAVISTA
Felipe; Maicon, Lucas Rocha, Antônio Carlos e Christiano; Pedroso, Julio César (F. Gabriel 29’/2º T), Pedro Botelho (M. Paraná 12’/2º T), Erick Flores e Mosquito; Tiago Amaral (M. Nicácio 27’/2º T). Técnico: Joel Santana

Fonte: http://www.lance.com.br/flamengo/peruanos-roubam-cena-estreia-vitoriosa-fla-carioca.html

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.