| Futebol

Peso Maracanã: Eduardo confia em retrospecto do Fla contra os líderes

No estádio, Rubro-Negro tem três vitórias e uma derrota contra quatro dos atuais<br>cinco primeiros do Brasileirão. Partida com o Inter nesta quarta-feira fecha a lista

O Maracanã tem sido uma motivação a mais para os jogadores do Flamengo. A torcida vem comparecendo, e os resultados positivos colaboram para a empatia. Contra o Internacional, nesta quarta-feira, pelo Campeonato Brasileiro, a  expectativa é de mais um bom público no estádio para ajudar o Rubro-Negro a conseguir vencer mais um adversário que está nas primeiras colocações.

 


O fato já aconteceu até contra o líder do Campeonato Brasileiro. O Flamengo venceu o Cruzeiro com um categórico 3 a 0, mas já havia superado Atlético-MG e Corinthians no Maracanã. Ou seja, dos atuais cinco primeiros colocados, venceu três no estádio, perdeu para um (São Paulo, na quinta rodada) e completará a lista contra o Internacional.

– Espero que essa tradição continue. O jogo contra o Internacional é importante para mantermos essa distância para a zona da confusão. Fomos bem contra adversários como Cruzeiro e Corinthians. Acho que o time joga mais motivado e tem chance de fazer outra grande partida – analisou Eduardo da Silva.

Foi no Maracanã que o atacante marcou metade dos seus oito gols na temporada. Eduardo da Silva tem se saído bem diante dos torcedores do Flamengo, mas passou em branco nos últimos três jogos que disputou no estádio.

eduardo da silva flamengo x atletico-mg (Foto: André Durão)Eduardo da Silva comemora um de seus gols pelo Flamengo no Maracanã, neste Brasileirão. (Foto: André Durão)


– Jogar no Maracanã é sempre uma grande motivação. Ainda mais ao lado da torcida, que coloca uma pressão positiva e motiva os jogadores. Não é fácil para o adversário. É especial, um estádio de histórias – comentou o jogador.

saiba mais
  • Eduardo da Silva se coloca à disposição de Luxemburgo para atuar mais avançado

Para Eduardo da Silva, a derrota por 2 a 1 para o Atlético-PR não terá interferência na sequência do trabalho na temporada. O Flamengo ainda está sete pontos acima da zona de rebaixamento, e o jogador demonstra confiança na capacidade de o time alcançar o objetivo de se manter na Série A.

– Ninguém gosta de perder, mas essa derrota não afetou tanto. Os outros times lá embaixo não pontuaram. Tudo é possível no futebol, mas não acredito nisso (rebaixamento). Faltam nove rodadas para tentarmos subir mais um pouco e ficarmos entre os oito primeiros, que é a nossa realidade agora – afirmou Eduardo da Silva.

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.