| Futebol

PITACO SOBRE A ELEIÇÃO

A urna já está esquentando

Não tenho entrada no Clube e nem informações privilegiadas, por isso vou dar minha opinião de torcedor.

Estava eu desiludido com as últimas eleições no Clube, esperando que a disputa fosse a mesma de sempre, com a disputa sendo entre candidatos incompetentes, irresponsáveis e até mesmo desonestos, como vinha sendo através dos tempos, quando apareceu a notícia de que estava surgindo uma nova chapa formada por grandes empresários bem sucedidos e o que era melhor: essa chapa tinha todo o apoio do nosso Deus Zico.
 
Não poderia haver notícia melhor. Era tudo o que sonhávamos há anos. Todos sabíamos que, quando o Clube fosse administrado com competência e honestidade não teríamos rival à altura aqui no Brasil. Até os nossos adversários reconhecem isso, como comprovam as declarações do Elias Kalil, ex-presidente do Atlético mineiro e puta velha do futebol.
 
Essa chapa era encabeçada pelo Wallin Vasconcelos, que teve a candidatura impugnada por não ter o tempo de sócio exigido para concorrer à eleição.
 
Trocou-se então o cabeça da chapa, sendo o escolhido o Eduardo Bandeira de Melo, alto dirigente o BNDES.
 
Confesso que no início me decepcionei, com a escolha, pois o considerava uma figura apagada e imaginei que essa opção seria devido a ele ter um temperamento facilmente dominável e por isso teria sido escolhido para o cargo.
 
Como era de se esperar, essa chapa ganhou com ampla margem de votos e, ao contrário do que parecia, o EBM se mostrou um dirigente de grande personalidade e competência, principalmente no que se refere à administração financeira, diminuindo em muito, neste curto espaço de tempo, a nossa dívida que era monstruosa e que se continuasse sendo administrada da maneira irresponsável com que vinha sendo, certamente levaria o Clube a uma irremediável falência.
 
Acontece que infelizmente essa chapa rachou e como já disse, não frequento o Clube e por isso não posso dizer se o motivo foi o EBM tomar as decisões sem consultar ninguém, como foi afirmado pela atual oposição ou por uma possível fogueira de vaidades, como se cogitou entre alguns torcedores, em virtude de o EBM não ter assumido o cargo de Rainha da Inglaterra que havia sido a ele destinado e esteja hoje colhendo sozinho os louros da sua brilhante administração.
 
Estamos às vésperas de uma nova eleição e me sinto na obrigação de torcer pela reeleição do EBM, não só por gratidão, por achar que ele salvou o Clube de uma iminente falência, mas também porque sou do pensamento de que em time que está ganhando não se mexe.
 
Reforço a minha torcida no fato de que a parte esportiva, que era o grande calcanhar de Aquiles da atual administração parece que está entrando nos eixos, como comprovam as últimas atuações do time.
 
Mas ressalvo que estarei também muito tranquilo caso a chapa de oposição encabeçada pelo Wallin ganhe a eleição, pois o considero também competente e honesto, virtudes essenciais para administrar nosso Clube de coração.  
 
Essa é apenas aminha opinião, agora gostaria de ouvir a de vocês.
Grande abraço e SRN.
 
VAMOS FLAMENGO!!!!!
 
 

  


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.