| Futebol

Planejamento para 2015!!

Esvaziamento dos estádios

O treinador Luxa despista, e sabiamente prefere exaltar o atual elenco, pois é com esses jogadores que vai contar até o final da atual temporada. Todavia já existem rumores e especulações em relação a contratações. Tudo indica que sairemos mesmo de perto do fantasma de CONFUSÃO, mas será que vamos nos classificar para Libertadores, agora com a épica passagem de fase na Copa do Brasil, estamos lutando em duas frentes, para mais uma vez chegarmos na competição mais importante das Américas. Se nos classificarmos, certamente as necessidades de aquisições mais qualificadas aumentaram. Nos bastidores cremos que o trio Alexandre Wrobel, Felipe Ximenes e Vanderlei Luxemburgo, já estejam planejando o elenco para o ano vindouro.

Mas o que precisamos para qualificar mais o elenco? 
No gol o P.Vitor está surpreendendo muita gente, temos o promissor César na suplência, será que vamos atrás de um nome mais tarimbado ou apostar no desempenho do P.Vitor?
Na lateral direita, mais um ano para o veterano Léo Moura? O reserva Léo Moreira não consegue jogar e nos parece assustado com a pressão rubro-negra, achamos que o "manto" está pesando, mais um lateral direito categorizado seria o ideal?
Para o miolo de zaga temos três bons jogadores, a surpresa Marcelo, Samir e Wallace, o treinador Luxa gosta do Welinton (com sua licença Presidente Perez ), Chicão ficaria? Frauches?
Na lateral esquerda só temos o ascendente J.Paulo, precisamos de mais um jogador para a posição. De primeira linha ou para suplência?
Fala-se em mais um ou dois volantes para se juntarem a Cáceres, Recife, Canteros, M.Araújo, talvez Muralha, tudo indica que dificilmente o Amaral continue no elenco, este ano caiu de produção e a pressão e criticas a seus desempenhos aumentam a cada jogo, o L.Antonio devido as confusões  que criou este ano, talvez  possa ser negociado, seu desempenho também é muito irregular, não consegue se firmar de vez. Será que precisamos mesmo de mais um ou dois volantes?
Um meia pensador de jogo seria mesmo a "cereja do bolo"? Onde encontrá-lo? Posição difícil, o mercado está escasso e caro. O Mugni demonstra qualidades, mas ainda não é o cara, o Everton é mais um meia atacante e está voando pelo lado esquerdo.
Para o ataque perdemos o nosso centroavante Hernane, achamos que tanto o Alecsandro, quanto o Elton, não sejam o ideal, no máximo para reserva,teremos então que contratar mais um homem de área? 
Atacante de lado temos o iluminado Eduardo da Silva, ainda em busca da melhor forma física e o Paulinho que este ano ainda não estreou, poderemos tentar mais um jogador nesta posição?
O que fazer com Negueba, Nixon, Matheus, Gabriel, Arthur, Sartori? E os que voltam de empréstimos, Rodolfo, Thomas, Digão...?
Muitas interrogações, vamos ver se para o próximo ano, a diretoria já possa investir mais, ter condições financeiras para montar um melhor elenco, com a nova motivação do Luxa, poderemos alcançar novamente o topo...

 

Esvaziamento dos estádios

Lamentável que num estádio com a atual capacidade para cerca de 68 mil expectadores, vendam apenas 52.500 ingressos para o jogo Flamengo x Grêmio, as gratuidades num jogo grande chegam a no máximo 6 mil assistentes. O que leva a isso, a quem interessa o esvaziamento dos estádios. O Flamengo luta tenazmente para pagar as suas dívidas, faz um esforço descomunal para colocar em campo uma equipe digna de suas tradições, abaixa os preços dos ingressos e na hora do "filé mignon" é tolhido na pretensão de verdadeiramente lotar o estádio.
Na Libertadores no jogo contra o Leon, separaram um espaço que cabiam 10 mil pessoas, para abrigarem cerca de 300 mexicanos que vieram pro jogo. UMA APOLOGIA A BURRICE E AO ANTI-PROFISSIONALISMO. Na ocasião a nossa diretoria criticou, mas não articulou nenhuma proposta para que o problema não voltasse a acontecer. 

 

Fla x Grêmio: Uma derrota é sempre um transtorno, em qualquer situação, mas faz parte de um campeonato desgastante, sentimos o cansaço do jogo de quarta-feira contra o Coxa. O Everton fez muita falta, tudo levava a crer que teríamos um empate, mas bobeamos no final, na hora de "furar a bola". O zagueiro Marcelo falhou duas vezes na mesma jogada, o hoje irreconhecível J.Paulo também dormiu no lance, perdemos no detalhe, numa bola. Tivemos muitas dificuldades na definição das jogadas, faltou mais qualidade ao nosso ataque. Para quem já estava irremediavelmente rebaixado, avançamos bastante, certamente vamos reagir no próximo jogo contra o Goiás, hoje  também não faltou luta e a magnética mais uma vez foi o destaque...

 

Historias Rubro-negras
 
Em 1957, o São Paulo lançou a pedra fundamental para a construção de seu estádio no bairro do Morumbi em São Paulo Capital. Para marcar a importante data, promoveu um torneio internacional que ficou denominado TORNEIO DO MORUMBI, com jogos no Maracanã e no Pacaembu. Disputaram o certame além do promotor São Paulo, o Flamengo, o Belenenses de Portugal, o Benfica também de Portugal, Dínamo de Zagreb da antiga Iugoslávia, o Corinthians e um Combinado Vasco/Santos com Pelé e tudo, foi quando o Pelé vestiu a camisa do time de São Januário, um tempo com a camisa santista e outro com a dos vicianos...
O Flamengo estreou contra o Dinamo lhe aplicando uma sonora goleada de 4 x 1, dois gols contra, Dida e Julinho,no segundo jogo 3 x 1 no Belenenses, Moacir dois e Henrique Frade, no terceiro contra o Combinado 1 x 1, Dida para o Flamengo e Pelé empatou, no Pacaembu jogamos o quarto jogo contra o Corinthians e nova vitória por 3 X 1 Henrique Frade dois e L.Carlos, um empate no Maracanã contra o Benfica por 1 x 1 nos deu o título deste torneio, Duca marcou o nosso gol. A base do time era, Fernando, Joberth, Pavão, Jadir e Jordan, Dequinha, Moacir, L.Carlos, Henrique, Dida e Zagalo, ainda jogaram Ari, Milton Copollilo, Edson, Duca, Julinho, Milton Bororó........ Por sugestão do amigo Sérgio Freese a historinha virou história, certamente fica mais condizente com as nossas glórias...

SRN

OBS: Morreu o Esquerdinha , ídolo dos anos 50, foi protagonista do nosso Tri-campenato de 53, 54, 55 e ajudou a fazer a grandeza do Flamengo.


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.