Possível renovação de Ederson até dezembro entra em pauta no Fla

Possível renovação de Ederson até dezembro entra em pauta no Fla

Totalmente recuperado de um tumor nos testículos que deixou Ederson quase nove meses longe dos gramados, o jogador agora começa a definir seu futuro no futebol e com a camisa do Flamengo. O meia voltou a ser relacionado no último sábado por Maurício Barbieri, diante do América-MG, mas não entrou em campo. Agora, a comissão técnica e a diretoria vão se reunir mais brevemente para conversar sobre uma possível renovação do contrato do jogador de 32 anos.

Dentro do Flamengo, é consenso que o atleta tem uma qualidade indiscutível e que pode ajudar na sequência do ano. Mesmo não inscrito na Copa Libertadores, o meia pode entrar na lista para a segunda fase em uma eventual classificação, ba vaga de Everton, negociado com o São Paulo. Mesmo assim, o Flamengo quer avaliar a evolução física do jogador para saber se realmente poderá contar com ele.

Paralelo a isso, o Flamengo também está atento a um possível assédio pelo jogador. Dois clubes da Série A do Campeonato Brasileiro já entraram em contato com os agentes do jogador para saber se existe o interesse em uma transferência nacional. Para isso, ele não pode entrar mais de sete vezes em campo pelo Rubro-Negro no Brasileiro.

O jogador ainda não definiu também seu futuro e aguarda um contato do Flamengo para definir metas. Ederson tinha contrato até dezembro do ano passado, mas quando descoberto o tumor teve o vínculo ampliado por mais seis meses com o Rubro-Negro. Apesar de já poder assinar um pré-contrato, ele ainda não discutiu o assunto no aguardo da diretoria do Fla.

Ao que tudo indica, o técnico Maurício Barbieri tem interesse em contar com o jogador, ainda mais com a escassez que o mercado oferece. O Flamengo tem encontrado dificuldades para compor o elenco com nomes de peso. Ficou decidido, que não irá contratar jogador para composição e sim nomes que cheguem para jogar. Por isso, Ederson é visto com bons olhos por todos dentro do clube.

Antes de relacionar o meia para a partida diante do América-MG, Barbieri conversou com a direção sobre a possibilidade e recebeu carta branca para decidir se vai usar o jogador ou não. Fisicamente ele tem feito trabalhos específicos e acompanhado de perto.

- Estou muito feliz, tenho que agradecer todo o apoio da Nação. É maravilhoso estar de voltar. Quero ajudar ainda o Flamengo da melhor maneira - afirmou o camisa 32 na chegada ao Maracanã, no sábado.

Para muitos, ele pode ser o diferencial no meio de campo rubro-negro, caso consiga atingir ainda um bom nível físico. Um relatório sobre a evolução do jogador está sendo preparado pela comissão técnica e será repassado para diretoria para definir o futuro do atleta, que está nos planos.

A ideia em caso da evolução constatada, é de um vínculo até dezembro renovável por mais uma temporada. Ederson já atuou na Seleção Brasileira e teve destaque na Europa, mas sua carreira ficou marcada por diversas lesões. Desde que chegou ao Flamengo, em 2015, atuou em 38 partidas e marcou quatro gols.