• BICAMPEÃO DA LIBERTADORES
  • HEPTACAMPEÃO BRASILEIRO

Presidente do Bahia critica postura da Globo em relação aos jogos do Flamengo no Estadual: “Argumento fraco”

O ano de 2020 está sendo de muitas mudanças no futebol, principalmente quando o assunto é transmissões das partidas. A Medida Provisória 984 autoriza que os clubes mandantes possam negociar os direitos dos seus jogos, mas no Campeonato Carioca 2020 o assunto rendeu muita polêmica.

Analisando a situação envolvendo a Rede Globo e o Flamengo, o presidente do Bahia, Guilherme Bellintani, saiu em defesa do Rubro-Negro e afirmou que o argumento da emissora era fraco na decisão da Taça Guanabara, contra o Boavista.

– A Globo está argumentando que tinha o direito de exclusividade sobre os jogos do Boavista, o que não é verdade. O jogo Flamengo e Boavista ela também já não transmitia. Ela argumentava que as outras emissoras não tinham direitos sobre Flamengo e Boavista, mas ela também não tinha. É argumento fraco. A Globo não perdeu nenhum jogo. A Globo ganhou jogo, pois não tinha o Flamengo e Boavista, mas ganhou.

Guilherme Bellintani ainda destacou que a Globo não tinha direito de exibir a partida entre Flamengo e Boavista, e também não queria que ninguém transmitisse, alegando ter exclusividade.

– A Globo quer que ninguém compre um jogo que ela não tinha. Ela não quer que ninguém veja Flamengo e Boavista, que já não tinha e agora autorizam a comprar. Aí ela diz que ninguém pode comprar, pois tinha exclusividade sobre os jogos do Boavista. Você tinha exclusividade nos jogos que você tinha comprado, não nesse Flamengo e Boavista. As pessoas tinham o direito de ver esse jogo. Não existe você ter exclusividade sobre um produto que você não tinha.

Publicado em colunadofla.com.