• BICAMPEÃO DA LIBERTADORES
  • HEPTACAMPEÃO BRASILEIRO

Presidente do Corinthians ameaça deixar o Brasileirão se torcida só for liberada no Rio de Janeiro

Em meio a pandemia do novo coronavírus, o Rio de Janeiro parece estar adaptado ao ‘novo normal’ e, nesta sexta-feira (18), aprovou a volta de público no Maracanã e divulgou a data para o retorno dos torcedores: dia 04 de outubro, na partida entre Flamengo x Athlético-PR. A autorização da Prefeitura do Rio já começou a mexer nos bastidores do Brasileirão e, após a confirmação da medida, o presidente do Corinthians, Andres Sanchez, usou as redes sociais para informar que só entrará em campo se todas as equipes tiverem as mesmas oportunidades, independente do estado ou cidade.

O Corinthians só aceita a volta o público aos estádios se todos os times da série A tiverem a mesma oportunidade, independente do estado ou cidade. Se não forem as mesmas condições para todos, não entraremos em campo -, escreveu o mandatário do clube paulista, em seu Twitter oficial.

Apesar da autorização do Prefeito Marcelo Crivella, a presença de torcedores no Maracanã, para a partida entre Flamengo x Athlético Paranaense, válida pela 13ª rodada do Brasileirão, ainda precisa do aval da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), que não se manifestou sobre a decisão.

Em entrevista coletiva concedida nesta sexta-feira (18), Marcelo Crivella apontou que a expectativa é liberar 1/3 da capacidade do Maracanã, o que significa cerca de 20 mil pessoas no estádio, defendeu a medida como uma forma de minimizar as aglomerações nas praias do Rio de Janeiro, e falou que conta com o apoio da CBF para a solução do problema.

“Estamos falando de 20 mil pessoas no Maracanã. Seriam 20 mil pessoas a menos nas praias do Rio de Janeiro”, disse o Prefeito, que completou: “Faremos um apelo à CBF no sentido de que possa nos ajudar pra que o Maracanã seja uma alternativa à praia, que é hoje talvez o maior problema do Rio de Janeiro, com grandes aglomerações de pessoas sem máscara. Se o jogo puder ser às 11h, vai ser ótimo para nós”.

Publicado em colunadofla.com.