| Futebol

Presidente do Flamengo se coloca à disposição para ajudar a reerguer a Chapecoense

flameng - Presidente do Flamengo se coloca à disposição para ajudar a reerguer a Chapecoense

O trágico acidente envolvendo a delegação da Chapecoense na madrugada desta terça-feira(29) comoveu o Brasil e o mundo. Clubes se uniram em prol de apenas uma causa: demonstrar solidariedade as famílias, torcedores e a cidade de Chapeco.


VEJA TAMBÉM:

Torcedores lamentam tragédia | Chapecó em luto | Corpos devem ser liberados sexta


 

Em meio a toda a mobilização, o Flamengo se pronunciou através do presidente Eduardo Bandeira de Mello, em entrevista coletiva, no Ninhodo Urubu e garantiu ajuda para reerguer a equipe catarinense. 

 


(Foto: Nelson Almeida / Getty Images)

 

"Todos estamos consternados com essa situação, acontecer isso com a Chapecoense, com os colegas da imprensa, é uma situação muito triste. Nesse momento temos que dar muitas forças para a família, tentar recuperar os sobreviventes".

 

"O Flamengo certamente prestará todas as homenagens e fará questão de participar do esforço para reerguer a Chapecoense, cuja trajetória esportiva nos últimos anos é admirável e não pode ser interrompida".

 


(Backdrop personallizado com a hastag #ForçaChape / Foto: Gilvan de Souza / Flamengo / Divulgação)

 

Bandeira também revelou a intenção de prestar todas as homenagens possíveis as vítimas do acidente.

 

"Nós vamos prestar todas as homenagens possíveis aos atletas, jornalistas e pessoas que faleceram nesse acidente. Mas nesse momento nós precisamos pensar nas famílias, em quanta gente que está sofrendo porque perdeu seus queridos. Por agora não tem nada resolvido e acho que nem seja o momento certo para pensar nisso, o acidente aconteceu há pouco mais de 24 horas, é hora de pensar nas famílias".

 

"Tivemos três ex-jogadores que acabaram de passar por aqui, lembro do Cleber Santana, o Arthur Maia que poderia ser meu filho, um menino, o Marcelo também, nosso zagueiro e o próprio Caio Júnior, o Mário Sérgio, o Sandro, presidente da Chapecoense, ele era altamente competente. Vamos tentar dar amparado, fazer o que for possível para minimizar esse sofrimento e as homenagens vamos fazer sim".

 


(Foto: Divulgação / Flamengo)

 

Antes do início das atividades desta quarta-feira(30) os jogadores fizeram um minuto de silêncio seguido de uma oração em respeito a memoria daqueles que perderam suas vidas na tragédia.

 

Além disso, o Flamengo estuda possibilidades e ações para homenagear o clube na última partida do Campeonato Brasileiro, a confecção de um uniforme nas cores da Chapecoense é improvável pelo pouco tempo para confecção. O clube também avalia a possibilidade de emprestar jogadores sem custos e o não rebaixamento nos próximos anos.

Fonte: https://esportes.yahoo.com/noticias/presidente-flamengo-se-coloca-%C3%A0-153645987.html

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.