| Futebol

Promoção e resultados: Fla reage na disputa entre sócios-torcedores

Depois de voltar a vencer e dar mês grátis, clube volta a ocupar a quinta colocação no 'Movimento por um Futebol Melhor' ultrapassando o Corinthians

Torcida Flamengo, Maracanã (Foto: Getty Images)Torcida do Flamengo tem lotado o Maracanã nos últimos jogos (Foto: Getty Images)

Nada como uma sequência de bons resultados para mudar o relacionamento com a torcida, principalmente atrelado a promoções. O Flamengo fez exatamente isso para se recuperar nos números do programa de sócio-torcedor, que havia sofrido um decréscimo de mais de 13 mil membros desde que atingiu o pico acima dos 67 mil. Com essa atitude, voltou ao quinto lugar no "Movimento por um Futebol Melhor", superando o Corinthians.

Em números contabilizados até as 19h (de Brasília), segundo o site do movimento, o Flamengo chegou a 54.168 sócios-torcedores, contra 54.021 do Corinthians. O líder segue sendo o Internacional, com 123.048. Nos últimos três jogos do clube carioca como mandante no Campeonato Brasileiro, o público pagante superou os 30 mil.

Essa mudança se deve, além dos resultados em campo que tiraram o Flamengo da zona de rebaixamento, a promoções. O clube reduziu o preço dos ingressos para os últimos três jogos no setor mais popular de R$ 60 para R$ 40. Ainda deu uma mensalidade grátis a novos membros que comprassem ingresso para o jogo com o Sport.

Somente esta semana, o Flamengo ganhou 278 novos sócios-torcedores. Apenas Sport, Internacional e Cruzeiro tiveram um crescimento maior no período. No entanto, no mês, o número do clube carioca ainda tem um decréscimo de 603 membros, o segundo pior desempenho entre os cadastrados no programa.

O último jogo do Flamengo no Maracanã no primeiro turno do Campeonato Brasileiro será contra o Grêmio, dia 6 de setembro. Antes disso, terá o Coritiba pela frente, no jogo de volta das oitavas de final da Copa do Brasil, no dia 3 de setembro, no Maracanã. Em ambos, os preços devem ser mantidos.

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.