| Futebol

Quase herói, Everton fala em gosto amargo: "Deixamos a desejar"

Camisa 22 admite que foi ao limite físico por conta de lesão na coxa, mas reclama de facilidade com a qual o Fla deixou o Atlético-MG marcar quatro gols

Everton experimentou minutos de herói. Na corrida com a mão no ouvido pedindo para que o torcedor rubro-negro que esteve em Belo Horizonte gritasse, o meia-atacante pensou que tinha valido a pena todo esforço durante uma semana para curar a lesão na coxa esquerda. Ao deixar o Mineirão, no entanto, a frustração estava evidente. Um dos mais abatidos após a derrota por 4 a 1 para o Atlético-MG (assista aos melhores momentos no vídeo), o camisa 22 deixou o campo quando o placar ainda apontava 2 a 1, mas teve que encontrar explicações para o revés que tirou o Rubro-Negro da decisão da Copa do Brasil.

 


Visivelmente abatido, Everton lamentou a fragilidade defensiva do Flamengo, principalmente no segundo tempo. Sem ter o que fazer, porém, pediu que o elenco coloque o foco, o quanto antes, no restante do Brasileirão.

- É triste. É uma eliminação que não esperávamos. No segundo tempo, deixamos a desejar. Não tivemos força para atacar, e eles foram felizes. É um sentimento amargo. Sabíamos a dificuldade do jogo, mas não esperávamos tomar quatro gols com a facilidade que foi. Agora, é levantar a cabeça e bola para frente.

Substituído por Mattheus aos 22 minutos do segundo tempo, Everton disse que foi ao seu limite físico. Na partida de ida, no Maracanã, o meia-atacante sentiu lesão muscular ainda no primeiro tempo e precisou de tratamento intensivo para ficar à disposição no duelo do Mineirão.

Everton gol Flamengo (Foto: Pedro Martins / Ag. Estado)A festa pelo gol de Everton virou frustração com a consequente queda da Copa do Brasil (Foto: Pedro Martins / Ag. Estado)




- É normal. Eu ia até uns 20 do segundo tempo. Ainda fomos para o sacrifício por ser um jogo decisivo. A vontade era jogar os 90, mas, infelizmente, não deu.

Eliminado na Copa do Brasil, o Flamengo volta para o Rio de Janeiro na tarde de quinta-feira e já viaja para Recife na sexta. O próximo compromisso da equipe acontece no domingo, contra o Sport, pela 33ª rodada do Brasileirão.

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.