Queda no Carioca atrapalha e Julio Cesar não deve ter jogo de despedida

Queda no Carioca atrapalha e Julio Cesar não deve ter jogo de despedida

Julio Cesar realizará o sonho de encerrar a carreira no Flamengo, seu clube de coração e onde foi revelado, mas dificilmente será da forma com que o goleiro, e a torcida, esperava. A eliminação diante do Botafogo, na semifinal do Carioca, impede que o camisa 12 conquiste uma última taça pelo Rubro-Negro.

Além disso, o momento conturbado do departamento de futebol deve impedir a realização de uma partida de despedida para ex-goleiro da Seleção Brasileira.

Recentemente, o goleiro declarou que sonhava com um jogo festivo, em seu adeus, no Maracanã, mas disse que só trataria do assunto após a disputa do Campeonato Carioca, ressaltando a importância da conquista estadual.

Julio Cesar retornou ao Flamengo em fevereiro e assinou o contrato de três meses - é válido até 28 de abril. Como não foi inscrito na Copa Libertadores, o camisa 12 só terá mais duas oportunidades de entrar em campo pelo Fla.

No dia 15 de abril, o time da Gávea estreia no Brasileirão diante do Vitória, no Barradão. No dia 22, confronto com o América-MG no Rio de Janeiro. No entanto, é improvável que Julio Cesar seja utilizado nestes jogos do torneio.

Desde que voltou ao Flamengo, Julio Cesar foi utilizado em apenas uma partida. Titular contra o Boavista, na Taça Rio, saiu sem sofrer gols na vitória por 3 a 0. Na quarta, foi relacionado e ficou entre os reservas na derrota para o Botafogo.