| Futebol

Reforços para o título!

flameng - Reforços para o título!

Confesso que tive que me equilibrar muito para tentar deixar meu lado passional em segundo plano, e ser o mais racional possível nesse momento, visto que o que aconteceu quarta-feira passada ainda me causa um misto de raiva, vergonha e dor. Porém, a vida continua, e essa continuidade nos propicia um novo dia, uma nova chance e principalmente, uma nova perspectiva.

Em virtude disso, parei para analisar sobre o quanto precisamos reforçar o nosso time, visto que ficou escancarado que o nosso elenco não é tão qualificado assim para a maratona de jogos que se seguirão em 2017. Falhamos no principal objetivo do ano, e para não falharmos nos demais é fato que precisamos de reforços.

Concordo que não deve ser aberta a temporada de caças as bruxas, mas deve ser aberta a temporada de avaliações e com essa fica claro que a espinha dorsal do time é abaixo das expectativas do torcedor. Temos 4 posições que necessitam de reforços e para termos maiores aspirações nos campeonatos que teremos pela frente, agora é hora de irmos atrás deles.

1 – Goleiro: Um grande time começa por…

Muralha chegou muito bem ano passado, se destacou e chegou, por méritos, à seleção brasileira. E só! Acabou aí o encanto e desde então passou a ser um ponto de questionamento dos torcedores, seja por sua insegurança na saída do gol, seja pela sua ineficiência em pegar pênaltis.

Quando olhamos para o banco temos dois jogadores inexperientes e que com certeza não estão prontos para assumirem tal responsabilidade: Cesar e Thiago. E o que fazer? Ir atrás de um grande e incontestável goleiro! E esse nome, na minha opinião é Diego Alves!

O cara pega pênalti de olho fechado, é titular absoluto do Valência há muito tempo e sempre está sendo lembrado nas convocações. Se estivesse em um clube maior seria titular absoluto da seleção, logo é um nome a ser, no mínimo, estudado! Seu contrato vai até 2019, mas… Não é um sonho tão impossível quanto parece!

2 – Zagueiro: Experiência e Segurança é fundamental!

O Capitão Réver vai bem obrigado! Mas seus companheiros de zaga… Quanto a Juan, por todo o respeito que merece e sua idade, é fato que está no elenco para passar sua experiência e agregar ao elenco, Donatti, vive às voltas com lesões e não consegue uma sequencia nem ao menos para ser analisado, já Rafael Vaz… bem, acho que dispensa comentários! Esforço nem sempre é sinônimo de resultado.

Portanto se faz necessário termos um zagueiro rápido, técnico e eficiente para jogar ao lado do capitão, e esse nome pode estar do outro lado do mundo, mais especificamente na China, onde Gil ganha seus milhões e já encheu os bolsos a ponto de querer retornar para o Brasil, e se tornar objeto de desejo de muitos clubes brasileiros.

Outro nome que habita os nossos sonhos, quando tratamos de reforços para a defesa, é o de Miranda, que embora tenha muito mercado na Europa ainda, seria uma tacada de mestre e um passo gigante rumo à estabilidade na nossa zaga. Porém tem alto valor de mercado, e uma negociação seria bem complexa já que vai bem no Internazionalle.

3 – Volante: O Futebol moderno requer mais que desarmar!

Diferente das demais posições, não acho que precisamos de reforços. Estamos muito bem servidos, porém de todos os que temos, o menos indicado é o titular. Não estamos aqui contestando vontade, honestidade e nem com nenhum tipo de implicância, mas simplesmente a realidade dos fatos.

Temos nos Rivais pelo título volantes qualificados, que saem bem para o jogo, protegem a zaga e são diferenciais no apoio ofensivo, sendo sempre elemento surpresa na hora da conclusão. Temos dois garotos como grande revelações em times cariocas, e no nosso time, a camisa 5 é de Marcio Araújo, quando deveria ser de Ronaldo.

Convocado para seleções de base, esperança para muitos que acompanham a carreira do jogador, o garoto toda a vez que entrou em campo encheu os olhos da torcida e já deixou bem claro que pode ser o dono daquela faixa do meio de campo.

4 – Ponta direita: Fechar corredor ou criar?

Gabriel, Berrío, Mancuello… todos testados ali e nenhum com sucesso. Que tal buscarmos especialistas no assunto? Everton Ribeiro, conforme já descrito aqui no Coluna pelo grande Thigu Soares, seria o “cara” para essa posição, jogando no 4-2-3-1.

A ideia de que o ponta tem que correr apenas caiu por terra desde que Berrío mostrou ser um grande velocista improdutivo, e evidenciou a necessidade de alguém que pense naquele lugar. Se existe a possibilidade, tem que chegar hoje!

Um plus, seria a contratação de um atacante para jogar ao lado de Guerrero de acordo com a formação. O esquema é dinâmico e suscetível à mudanças e a importância de um atacante rápido e com faro de gols pode ser um diferencial em algumas partidas. Que tal Diego Tardelli para jogar ao lado do peruano?

Enfim, muitas opções e a única certeza é que precisamos de reforços se quisermos sonhar com o Hepta do Brasileiro, O tetra da Copa do Brasil e o inédito título da Sulamericana.

Chegamos a um patamar financeiro diferenciado, que nos permite em termos jogadores de elite, portanto é essa busca que deve acontecer.

O dinheiro de Vinicius Jr. Vai entrar! É hora de reforçarmos o time para que fique sem elos fracos. Lembrando que a força de uma corrente é medida pela força de seu elo mais fraco. Pensem nisso!

E aos extremistas que acham que estamos querendo montar o Real Madrid, já temos um deles aqui, porque não sonhar em mais? rsrsr

SRN!

Jerônimo Simeão Júnior

#ColunaDoJJ

Concorda ou Discorda? Comente e Divulgue! Ah! e se quiser saber mais sobre o Mengão segue lá no Twitter @JeronimoSJunior! É Mengão 24 horas por dia!

Fonte: http://colunadoflamengo.com/2017/05/reforcos-para-o-titulo/

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.