| Futebol

Representante espanhol dá o aval e Felipe Vizeu vai viajar para exames

Atacante tem viagem programada para a noite desta quinta-feira, onde encontrará os médicos da Udinese e conhecerá as instalações do clube

flameng - Representante espanhol dá o aval e Felipe Vizeu vai viajar para exames

O atacante Felipe Vizeu está de malas prontas para a Itália. O jogador e o Flamengo receberam o aval do representante da Udinese (ITA) no Brasil, Luciano Ramalho, e do espanhol Rafa Monfort - responsável por todas as contratações mundiais do clube - e sua viagem para o Velho Continente está programada para esta quinta-feira. O garoto, inclusive, deve ficar fora dos relacionados para o confronto diante do Nova Iguaçu, no domingo, em Brasília, pelo Campeonato Carioca, já que deve ficar uma semana na Europa. Vizeu vai acompanhado de familiares e de seus agentes.

A negociação toda no Brasil, com o Flamengo, foi conduzida por Ramalho, que trabalha para o clube de Udine há anos. Ele, inclusive, possui boa entrada no Rubro-Negro desde a venda de Samir, em 2015, para o clube italiano. Luciano Ramalho fez contato direto com o presidente Eduardo Bandeira de Mello, que colocou o diretor-executivo, Rodrigo Caetano, no circuito.  Recentemente, o representante da Udinese também levou para a Itália nomes como Lucas Evangelista e Ewandro - ambos do São Paulo.

Ao final de todo o trâmite, o agente Bruno Paiva, que representa a OTB e Felipe Vizeu, viajou para a Europa para finalizar o negócio, já todo apalavrado com o Rubro-Negro. Paiva também tem bom relacionamento no rubro-negro e a empresa quase coloco o lateral-esquerdo Zeca, em litígio com o Santos na época, no clube. De última hora, o Fla desistiu do negócio com medo de represálias judiciais em relação ao complicado caso.

Com tudo apalavrado, os agentes de Felipe Vizeu já receberam do espanhol Rafa Monfort a autorização para a negociação ser sacramentada. No início, o orçamento aprovado era de cinco milhões de dólares (cerca de R$ 16 milhões), prontamente negada pela diretoria do Fla. Monfort, junto com a direção da Udinese, depois autorizou que o montante subisse para 6,5 milhões de dólares (aproximadamente R$ 20 milhões) e o martelo foi batido. O valor será parcelado em quatro vezes até dezembro de 2019.

O Flamengo vai ficar com cerca de R$ 12 milhões, já que possui 60% dos direitos econômicos do atacante. O restante está fatiado com 20% a um antigo empresário e 10% cada para outras duas empresas de agenciamento de atletas de futebol. No clube, Vizeu atuou em 65 partidas e fez 17 gols.

Fonte: http://www.lance.com.br/flamengo/representante-espanhol-aval-felipe-vizeu-vai-viajar-para-exames.html