Rodinei admite que torcida tem direito de vaiar o Flamengo

Rodinei admite que torcida tem direito de vaiar o Flamengo

O Flamengo começou o Campeonato Brasileiro com empate amargo contra o Vitória. Independente dos erros de arbitragem, a cobrança em cima do time segue forte. A expectativa por bons desempenhos e por resultados é equivalente aos investimentos em estrutura e contratações do Mais Querido. Rodinei, em coletiva concedida na tarde desta sexta (20), falou que não faltará empenho nesta segunda rodada e que o torcedor tem todo direito de protestar.

– Eu não posso julgar o torcedor, porque ele está lá, paga o ingresso. Se o time não está bem eles vão vaiar. Temos que dar a volta por cima de tudo isso. Pra mim é uma honra estar jogando no Flamengo e ao lado de Julio Cesar e Juan. Temos que sempre entregar em todo jogo o nosso melhor, a pressão existe mesmo em um time grande -, disse Rodinei.

Em relação à despedida de Julio Cesar ser em um jogo válido pelo Brasileirão, o lateral disse saber da cobrança por parte da torcida, mas afirma que o time terá o apoio da magnética. O jogador comentou também que o técnico Maurício Barbieri ainda vai passar as informações sobre o próximo adversário e sobre a importância de sair do estádio com os três pontos.

– A gente tem que ver o que o professor Maurício vai passar em relação ao America MG. Em relação à torcida, a gente sabe da cobrança. Desde que cheguei, em 2016, sempre fui cobrado pra dar o melhor, e assim mesmo, a torcida vai nos apoiar. Independentemente se é clima de festa, temos que ir em busca dos três pontos e coroar a despedida do Julio com a vitória -, declarou o lateral.

O Flamengo entra em campo neste sábado (21), contra o América MG, às 19h (horário de Brasília), no Maracanã. A partida é válida pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro.