| Futebol

Rodinei salva o Flamengo de derrota para o Avaí na Ilha do Urubu

Lateral-direito foi autor de belo e surpreendente gol no segundo tempo

Talvez nenhum momento do jogo deste sábado, na Ilha do Urubu, tenha sido mais simbólico do que a ida de Reinaldo Rueda ao vestiário um minuto e meio antes do fim do primeiro tempo. Naquele momento, o Flamengo perdia por 1 a 0 para o Avaí. Com a final da Copa do Brasil a ser disputada na próxima semana e classificado para as quartas da Sul-Americana, o colombiano parece ter entendido como funciona a lógica brasileira de priorizar certas competições. No fim, o empate em 1 a 1 deixou o Flamengo em uma situação delicada na tabela, em que pode cair hoje para a sétima posição.

Basta olhar a escalação do jogo contra o Avaí para ter certeza que, ao menos ontem, a Série A não era prioridade. Com um time recheado de reservas, nem mesmo a torcida aproveitou a chance de ver o rubro-negro em campo no Rio. Foram 8.032 pagantes. A surpresa para eles foi Alex Muralha na reserva, enquanto Diego Alves começou jogando.

O desânimo era contagiante, mas até que os primeiros três minutos indicavam uma reviravolta. Éverton Ribeiro, que ganhou a braçadeira de capitão, arriscou um chute com perigo. Depois, foi a vez de Gabriel, favorito a ficar com a vaga de titular na final contra a Copa do Brasil caso Éverton de fato não tenha condições.

Mas os problemas também apareciam. No meio, a bola ficava muito tempo nos pés de Márcio Araújo, que, com pouca inspiração, prejudicava a armação. Na defesa, Rafael Vaz também cometeu falhas, como uma furada constrangedora.

O gol do Avaí quase saiu aos 12, quando Pedro Castro chutou após erro na zaga rubro-negra e exigiu boa defesa de Diego Alves. Cinco minutos depois, o goleiro ficou parado e apenas observou a cobrança de falta de Pedro Castro cruzar sua área. Vários jogadores tentaram alcançar a bola, Leandro Silva afirmou ter tocado, mas o juiz deu o gol para Pedro Castro.

Após o fim de um primeiro tempo ruim, em que Paquetá se salvou, Rueda voltou para campo com Geuvânio no lugar de um apagado Matheus Sávio. Logo aos nove minutos, Paquetá teve nova chance após receber de Éverton Ribeiro, mas a finalização terminou na trave.

Aos 20, Rueda tirou Mancuello para colocar Vizeu como referência na área, recuando Paquetá. Em um dos poucos momentos de festa na arquibancada, a torcida comemorou a saída de Gabriel aos 30 minutos para a entrada de Vinícius Júnior. Cinco minutos depois, Rodinei deunovo motivo de alegria ao chutar, de esquerda, de fora da área e marcar um bonito gol. Aos 47, Vizeu cabeceou livre para fora a grande chance da virada.

Fonte: https://oglobo.globo.com/esportes/rodinei-salva-flamengo-de-derrota-para-avai-na-ilha-do-urubu-21863697

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.