| Futebol

Rodrigo Caetano fala na reapresentação do elenco

Diretor de futebol discute reforços, elenco e investimentos do clube

Diretor falou do planejamento para 2016

Diretor falou do planejamento para 2016

Nesta quarta-feira (06.01), o elenco de futebol profissional do Flamengo se reapresentou para a temporada 2016. Na Gávea, os jogadores participaram de exames e deram os primeiros passos da preparação para o novo ano. Depois das atividades, o diretor executivo de futebol do clube, Rodrigo Caetano, concedeu entrevista coletiva. Ele elogiou o elenco atual e afirmou estar em busca de reforços pontuais.

Confira os principais pontos da conversa com o dirigente:

Reforços
O excesso de cautela muitas vezes é mal interpretado, mas todos aqui me conhecem. Nunca vou falar de nomes antes da hora. Falo sobre as posições, sim - o que também não significa que estas contratações vão acontecer daqui a 24 horas. Não dá para falar em hipóteses. Não dá para criar expectativas para o torcedor e amanhã ou depois ela ser frustrada. Essa é uma responsabilidade que tenho: falar a verdade. Fazer conjecturas com jogadores que não estão na Gávea só alimenta a mente de torcedor e página de sites e jornais. Prefiro não tecer comentários sobre atletas que não estão aqui.

Se tivermos condições de trazermos mais um volante e mais um volante, assim o faremos; mas sem pressa, pois não podemos errar. Que fique claro que o Flamengo faz e concretiza as negociações que cabem na realidade financeira do clube. Te digo que o Flamengo sempre vai ao seu limite, mas tem hora que não é possível ultrapassar e aí vamos buscar outras opções. Seguimos em busca de dois jogadores e este é o cenário ideal. Cada negociação tem sua complexidade. O trabalho já começou e vai seguir aí durante todo o mês de janeiro. Vamos observar o mercado e, respeitando o orçamento, se for possível contratar. É o nosso desejo.

Mercado da América do Sul
Existem opções no mercado sulamericano. No Brasil, os clubes dificultam as negociações pelos jogadores bons. Então ficamos de olho nas equipes dos países vizinhos que têm bons atletas, apesar de nossa situação econômica no país não estar nem um pouco favorável.

Elenco atual
Não podemos esquecer que temos um elenco que foi, por conta de erros nossos, no decorrer do brasileirão um pocuo depreciado. Mas tenho certeza que os nossos atletas, do atual elenco, certamente integrariam qualquer elenco do futebol brasileiro hoje. Espero que em 2016 este elenco consiga dar o resultado que não conseguiu em 2015. 

Contratações para a zaga
Além do Juan, que já chegou, extremamente identificado com o clube e com ótima passagem pelo Internacional; e o Antonio Carlos, jovem com excelente campeonato pelo Avaí.

Novos rostos no grupo de jogadores
Temos que exaltar quando, num mercado difícil, num momento difícil para a economia do país, o Flamengo consegue boas contratações. Um lateral direito que foi destaque no último Brasileirão; a repatriação de um zagueiro que tem uma história dentro do clube; mais um goleiro de bom nível, destaque grande no brasileiro; o Willian Arão, que foi destaque na Série B... Uma série de reforços para tentar qualificar o elenco. Não esquecendo também que temos como objetivo neste ano dar um espaço maior para as categorias de base e teremos um bom número de jovens integrando a equipe principal.

Planejamento para o primeiro semestre
É uma questão institucional. No mês de janeiro, vamos preparar o elenco com um número um pouco acima de jogadores. Com o retorno do meninos que estão na Copa São Paulo e com a chegada de um ou dois reforços, queremos fechar com no máximo 37 atletas, contando com os goleiros. E, dentro deste grupo, dividir, em caso de necessidade, entre a Primeira Liga, que começa dia 27.01; e o Carioca, que começa dia 31. Foi uma decisão da diretoria, de jogarmos com uma equipe chamada alternativa. Mas é um mesmo grupo: todo treinado pelo Muricy, fazendo a pré-temporada. Quem jogará o quê será uma decisão mais à frente.

Renovações de contrato
Márcio Araújo estendeu o vínculo com o Flamengo por mais um ano, como foi com Emerson e Alan Patrick, este emprestado.

Kayke lesionado
Kayke vai para a pré-temporada. Há dois dias, entrou em contato conosco e, fazendo uma atividade física, sentiu um desconforto no joelho e, depois de fazer ressonância, acusou uma pequena lesão no menisco. Vai passar por uma artroscopia, se incorpora ao grupo no domingo e, já na segunda-feira, estará fazendo atividades. Por se tratar de algo simples, calculamos em cerca de duas a três semanas para voltar a fazer parte de treinos coletivos e jogos. 

Infraestrutura
Estamos investindo não só em contratações, mas também em tecnologia. O clube está gastando dinheiro para melhorar sua infraestrutura, seus equipamentos, melhorias no CT. Certamente, a parte de recuperação e prevenção dos atletas passa por esta melhoria. Esperamos que, no ano, o número de lesões caia. Pelos equipamentos que já adquiriu, o Flamengo, segundo nossos especialistas, não fica devendo em nada para nenhum grande clube. 

Primeiros dias de trabalho com o novo técnico
Tive uma impressão ótima do Muricy. É muito engajado, bastante realista com a situação do futebol brasileiro. Participamos de várisa reuniões de planejamento da equipe. Os reforços todos foram validados por ele. Passa a impressão de que está satisfeito com o andmento de tudo, com aquilo que o Flamengo está disposto a melhorar, com invesitmento maior em infraestrutura, tencologia... Tudo via ao entronco do que ele deseja. Acho que vai agregar muita coisa boa para a gente este ano.

Fonte: http://www.flamengo.com.br/site/noticia/detalhe/22770/rodrigo-caetano-fala-na-reapresentacao-do-elenco

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.